Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/1026
Title: Condições ergonômicas laborais para os trabalhadores de enfermagem em terapia intensiva: orientações sobre posturas adequadas
Authors: Altoé, Anna Alice Moreira
metadata.dc.contributor.advisor: Escudeiro, Cristina Lavoyer
metadata.dc.contributor.advisorco: Silvino, Zenith Rosa
metadata.dc.contributor.members: Ferreira, Flávia Porto Melo
Gurgel, Jonas Lírio
Issue Date: 2013
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Altoé, Anna Alice Moreira. Condições ergonômicas laborais para os trabalhadores de enfermagem em terapia intensiva: orientações sobre posturas adequadas. 2013. 97 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Enfermagem Assistencial)-Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa, Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2013
Abstract: O trabalho de enfermagem em Unidade de Terapia Intensiva é caracterizado por situações geradoras de riscos a saúde. Para que esse trabalho possa ser executado de forma eficaz, é necessário realizar modificações e/ou adaptações no ambiente laboral para que a tarefa seja realizada de maneira adequada. Nesse contexto, em busca por melhores condições de trabalho surge a ergonomia, a fim de assegurar qualidade de vida e segurança aos trabalhadores em relação ao meio laboral. A ergonomia tem como objetivo estudar a atividade de trabalho, no sentido de minimizar ou abolir eventuais sobrecargas de caráter físico, cognitivo ou organizacional sobre ao indivíduo no desenvolvimento de sua atividade, tendo como objetivo o desempenho eficiente deste sistema. O estudo tem como objeto as posturas corporais dos trabalhadores de enfermagem no cuidado do paciente em Terapia Intensiva e objetiva: descrever as posturas adotadas pelos trabalhadores de enfermagem na assistência ao paciente crítico na Unidade de Terapia Intensiva; comparar as posturas adotadas pelos trabalhadores de enfermagem nas atividades assistenciais junto ao paciente crítico com as posturas adequadas preconizadas na literatura e propor método para desenvolvimento de vídeo educativo com as posturas adequadas para os trabalhadores de enfermagem no cuidado ao paciente crítico. Trata-se de um estudo de caráter exploratório e descritivo com abordagem qualitativa, realizado na Unidade de Terapia Intensiva de um hospital especializado privado em Niterói. Os sujeitos foram 20 técnicos/ auxiliares de enfermagem. A coleta de dados se deu através da observação de campo não participante e entrevista semiestruturada, com análise dos dados através da análise de conteúdo. Os resultados apontam que o cenário pesquisado é um ambiente que ainda necessita de ajustes para realização do trabalho da enfermagem. Observou-se que o trabalhador de enfermagem realiza posturas incorretas como: inclinação e rotação de tronco, flexão cervical, extensão, rotação e elevação de ombro, além da flexão do cotovelo
metadata.dc.description.abstractother: Nursing work in the Intensive Care Unit is characterized by situations that generate health risks. So that this work can be effectively performed, it is necessary to make changes and / or adjustments to the work environment for the task to be properly performed. In this context, the search for better ergonomics work conditions arises, in order to ensure life quality and workers’ safety in relation to the working environment. Ergonomics aims to study the work activity, in order to minimize or abolish any physical, cognitive or organizational overload on the individual in their activity development, having as its goal the efficient performance of this system. The study has as an object the bodily postures of nursing on patient care in objective and Intensive Therapy : to describe the adopted postures by nursing workers in assisting critical patients in the Intensive Care Unit; compare the postures adopted by workers in nursing care activities along the critical patient with the correct postures outlined in the literature and propose a method for developing an educational video with the adequate posture for nursing staff in the care of critically ill patients. This is a study of exploratory and descriptive qualitative approach, held at the Intensive Care Unit of a specialized private hospital in Niterói. The subjects were 20 technicians / nursing assistants. Data collection occurred through nonparticipating field observation and semi structured interviews, with data analysis through content analysis. The results indicate that the studied scenario is an environment that still needs adjustments to carrying out the work of nursing. It was observed that the nursing worker performs incorrect postures such as: inclination and rotation of the trunk, cervical flexion, extension, rotation and elevation of the shoulder, besides flexion of the elbow
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/1026
Appears in Collections:MPEA - Dissertações - Niterói

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Anna Alice Moreira Altoé.pdf2.32 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.