Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/10423
Title: A noção de identificação na literatura arquivística na Espanha e no Brasil nas décadas de 1980-1990
Authors: Penha, Noemi Andreza da
metadata.dc.contributor.advisor: Rodrigues, Ana Célia
Issue Date: 2012
Abstract: Estudo do processo de construção teórica da metodologia da identificação nas décadas de 1980 a 90, a partir da literatura arquivística espanhola e brasileira. O termo identificação surgiu no âmbito da Arquivística na década de 80 do século XX, como proposta de grupos de arquivistas preocupados com a formulação de metodologias para solucionar o problema da acumulação de documentos em países ibero-americanos. Neste contexto, surge o Grupo Ibero-americano de Gestão de Documentos Administrativos, grupo de investigação arquivística, com o objetivo de analisar as características comuns e peculiaridades da arquivística ibero-americana no que se refere à gestão de documentos, cujos estudos realizados resultaram na formulação do conceito e da metodologia de identificação. Dessa maneira, o presente trabalho tem o objetivo descrever o contexto inicial das discussões teóricas sobre a metodologia da identificação e, especificamente, analisar as relações estabelecidas entre a Diplomática e a Arquivística no contexto da identificação e apontar elementos que os aproximam e os distinguem. Esta dissertação caracterizase como pesquisa exploratória, de natureza teórica, cuja metodologia prevê o estudo sobre a noção de identificação para a Espanha e Brasil, que nortearam as práticas desenvolvidas em arquivos. Espera-se com os resultados desta pesquisa venham contribuir com novos elementos para a discussão sobre a identificação e para a construção teórica de metodologias no contexto da arquivística brasileira.
metadata.dc.description.abstractother: Study of the construction of theoretical methodology of identification in the 1980s to 90, from the archival literature Spanish and Brazilian. The term arose in the identification Archivist in the 80s of the twentieth century, as proposed groups of archivists concerned with the formulation of methodologies to solve the problem of accumulation of documents in Latin American countries. In this context arises the Ibero-American Group Management Administrative Documents, archival research group, aiming to analyze the common characteristics and peculiarities of archival Iberoamerican with regard to document management, whose studies led to the formulation the concept and methodology of identification. Thus, the present study aims to describe the initial context of theoretical discussions about the methodology of identification and specifically analyze the relationship between the Diplomatic Archives and in the context of identifying and pointing out elements that approach and distinguish them. This dissertation is characterized as exploratory, theoretical, whose methodology provides a study on the concept of identification to Spain and Brazil, who guided the practices developed in. It is hoped that the results of this research will contribute new elements to the discussion on the identification and construction of theoretical methodologies in the context of archival Brazilian.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/10423
Appears in Collections:PPGCI - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Noemi_Penha.pdf903.67 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.