Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/1084
Title: Aconselhamento para lactação: estudo quase experimental sobre o efeito da prescrição de enfermagem no prolongamento do aleitamento materno na UTI neonatal
Authors: Mascarenhas, Débora
metadata.dc.contributor.advisor: Cruz, Isabel Cristina Fonseca
metadata.dc.contributor.members: Christoffel, Marialda Moreira
Simões, Sonia Mara Faria
Issue Date: 2006
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Mascarenhas, Débora. Aconselhamento para lactação: estudo quase experimental sobre o efeito da prescrição de enfermagem no prolongamento do aleitamento materno na UTI neonatal. 2006. 131 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Enfermagem Assistencial)-Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa, Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2006
Abstract: Situação problema: O prematuro internado com risco de desmame precoce. As mães dos prematuros vivenciam situações e necessidades diferentes na amamentação, em relação às mães de recém-nascidos a termo. O fato de ter um filho prematuro internado pode gerar um grau de estresse muito grande, e muitas vezes isso se dá devido à gravidade do estado de saúde do bebê. Com a internação, a separação mãe/filho ocasiona uma gama de situações conflituosas no seu ambiente familiar. Esses fatores são complicadores da disponibilidade e desejo de amamentar, o que faz com que muitas delas abandonem o aleitamento materno durante a internação do prematuro na UTIN. Este estudo foi desenvolvido junto às mães dos recém-nascidos internados, a fim de fornecer orientações e de proporcionar segurança, para que as mesmas se sentissem capazes de continuar aleitando o seu bebê durante o período de internação do mesmo. Objetivo: O objetivo geral da pesquisa foi aplicar a prescrição de enfermagem Aconselhamento para Lactação junto às mães dos prematuros e recém-nascidos de risco internados em uma Unidade de Terapia Intensiva Neonatal com vista a diminuir o desmame precoce. Tendo como objetivo específico, verificar se esta prescrição foi capaz de propiciar o aumento dos dias de aleitamento humano para o recém-nascido de risco internado. Material e método: Trata-se de uma pesquisa quantitativa, quase experimental, realizada em uma Unidade de Terapia Intensiva Neonatal de um Hospital Público do Município do Rio de Janeiro. A população do estudo foi composta pelas mães dos recém-nascidos internados na UTIN no período de maio/agosto de 2005. Durante este período foi extraído um total de 30 mães, formando o grupo teste da pesquisa. O grupo controle foi extraído aleatoriamente dos casos de prontuários do período de janeiro/abril de 2005, e para cada pessoa do grupo teste foi selecionado dois controles, totalizando assim (60 prontuários). Foram utilizados 4 instrumentos para coleta de dados, construídos com base em revisão bibliográfica da Classificação das Intervenções de Enfermagem (NIC) e na Classificação dos Resultados de Enfermagem (NOC). Tratamento Estatístico: Compararam-se os grupos teste e controle utilizando como análise estatística o teste de t de Student para as variáveis contínuas, teste X2 para as categóricas, considerando as diferenças como estatisticamente significativas com valor de p < 0,05 e os respectivos intervalos de confiança no nível de 95%. Principais resultados: Evidenciaram que as causas do desmame precoce giram em torno de mitos, tabus, 2 experiências bem e mal sucedidas, idade materna relacionada às primigestas, inexperiências com a amamentação, nível socioeconômico, falta de orientações e intervenções, que tanto reforçavam quanto prejudicavam a amamentação. A família mostrou-se ferramenta importante de interferência sobre a amamentação. Conclusões: É imprescindível a mobilização dos gestores e profissionais de saúde na intensificação as estratégias empregadas a esta população, levando em conta os seus aspectos culturais, crenças e tradições da comunidade assistida. Cabe à enfermagem um trabalho de orientação mais intensivo nas consultas do pré-natal em prol do aleitamento materno, onde as famílias sejam incluídas nas atividades com o propósito de promover uma integralidade no desenvolvimento dessas atividades
metadata.dc.description.abstractother: Situation problem: The premature interned with risk of it weans precocious. The mothers of the premature ones live situations and different needs in the breast-feeding, in relation to the mothers of newly born to term. The fact of having an interned premature son can generate a degree of very big stress, and a lot of times that gives due to the gravity of the baby's health condition. With the internment, the separation mother/son causes a range of conflicting situations in her family atmosphere. Those factors complicated of the readiness and desire of breastfeeding, what does with that many of them abandon the maternal breast feeding during the internment of the premature in UTIN. This study was developed with mothers of the interned newly born close to, in order to supply orientations and of providing safety, so that the same ones if they felt capable to continue nursing her baby during the period of internment of the same. Objective: The general objective of the research was to apply the nursing prescription advertisement for Nursing close to the mothers of the premature ones interned in an UTIN with view to decrease weans him/it precocious. Tends as specific objective, to verify this prescription was capable to propitiate the increase of the days of human breast feeding for the newly born interned. Material and method: It is a quantitative research, experimentas , almost accomplished in an UTIN of a Public Hospital of the Municipal district of Rio de Janeiro. The population of the study was composed by the mothers of the newly born interned in the period of May/August of 2005. During this period a total of 30 mothers was extracted, forming the group tests of the research. The group control was extracted random from the cases of handbooks of the period of January/April of 2005, and for each person of the group test it was selected two controls, totaling like this (60 handbooks). 4 instruments were used for collection of data, built with base in bibliographical revision, of the Classification, of the Interventions of Nursing and in the Classification of the Results of Nursing. Statistical Treatment: The groups test and control were compared using as statistical analysis the test of t of Student for the continuous variables, test X2 for the categorical ones, considering the differences as significant statistical with value of p <0,05 and the respective trust intervals in the level of 95%. Main results: They evidenced that the causes of the it weans precocious they 2 rotate in lathe myths, taboos, experiences well and badly happened, age maternal related to the first gestation, inexperiences with the breast-feeding, level economic social, lack of orientations and interventions that so much reinforced as they harmed the breast-feeding. The family was shown important tool of interference on the breast-feeding. Conclusions: It is indispensable the managers' mobilization and professionals of health in the intensification the employed strategies this population, taking into account their cultural aspects, faiths and the attended community's traditions. It falls to the nursing a more intensive orientation work in the consultations of the prenatal on behalf of the maternal breast feeding, where the families are included in the activities with the purpose of promoting an integral in the development of those activities
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/1084
Appears in Collections:MPEA - Dissertações - Niterói

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Débora Mascarenhas.pdf1.11 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.