Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/10867
Title: O conhecimento do enfermeiro sobre a hemotransfusão em unidade de terapia Intensiva neonatal
Authors: Cherem, Estefânia de Oliveira
metadata.dc.contributor.advisor: Alves, Valdecyr Herdy
metadata.dc.contributor.members: Alves, Valdecyr Herdy
Paiva, Eny Dórea
Romano, Márcia Christina Caetano
Madeira, Lélia Maria
Issue Date: 2015
Citation: CHEREM, Estefânia de Oliveira. O conhecimento do enfermeiro sobre a hemotransfusão em unidade de terapia intensiva neonatal. 2015. 91 f. Dissertação Mestrado em Saúde Materno-Infantil) - Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2015.
Abstract: Introdução: A transfusão de hemocomponentes e hemoderivados é uma tecnologia relevante na terapêutica moderna. Em várias situações clínicas, uma transfusão sanguínea pode representar a única maneira de salvar uma vida ou estabilizar o quadro do paciente, mas quando realizada inadequadamente, pode agravá-lo ou mesmo desencadear o óbito. Trata-se de um processo complexo, que exige acompanhamento por parte dos profissionais, principalmente da equipe de enfermagem que presta cuidados diretos ao paciente, cujos integrantes devem estar muito bem capacitados. Apesar de cada vez mais este profissional ser requisitado para as atividades ligadas à terapia transfusional, não existe um reconhecimento por parte da própria categoria em relação a esse tipo de terapia, pelo fato de desconhecerem a complexidade desse procedimento terapêutico. Objetivos: Identificar o saber do Enfermeiro que atua na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTIN) acerca do processo de hemotransfusão e analisar o saber do Enfermeiro que atua na UTI neonatal no processo de hemotransfusão, à luz das Resoluções e Portarias da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), Ministério da Saúde e do COFEN. Metodologia: Foi realizada uma pesquisa descritiva, exploratória, com abordagem qualitativa no Hospital Sofia Feldman e na Maternidade Odete Valadares. Participaram da pesquisa 35 enfermeiros que atuam na assistência direta ao recém nascido na UTIN. A coleta dos dados ocorreu por meio de entrevista semiestruturada, no período de agosto a dezembro de 2014. Resultados: emergiram 03 categorias relacionadas às etapas pré, peri e pós transfusional, nas quais são discutidos cuidados de enfermagem, a saber: solicitação e encaminhamento do pedido de transfusão, realização da prova cruzada, conferência das bolsas de sangue; aferição dos dados vitais antes, durante e após a transfusão, ações diante das reações transfusionais, notificações, descarte das bolsas de hemocomponentes e evolução das atividades realizadas. Conclusão: foi observado que os enfermeiros entrevistados apresentaram conhecimento em algumas das etapas do ato transfusional, no entanto, pode-se perceber que ainda apresentam alguns pontos de fragilidade no conhecimento
metadata.dc.description.abstractother: Introduction: Transfusion of blood products and blood derivatives is an important technology in modern therapy. In many clinical situations, a blood transfusion may be the only way to save lives or stabilize a patient’s condition, but when done improperly, can aggravate it or lead to death. So it is a delicate process that requires to be monitored by professionals, mainly nursing staff providing direct care to the patient, whose members must be well trained. Although these professionals are increasingly required for activities related to transfusion therapy, there is no recognition by its own category in relation to this type of therapy, because they ignore the complexity of this therapeutic procedure. Objectives: Identifying the knowledge of the nurse who works in the Neonatal Intensive Care Unit (NICU) about the blood transfusion process and analyze the knowledge of the nurse who works in the neonatal ICU in the blood transfusion process according to the Resolutions and Ordinances of the National Health Surveillance Agency (ANVISA), the Ministry of Health and COFEN. Methodology: A descriptive exploratory research with a qualitative approach was conducted in Sofia Feldman Hospital and Odete Valadares Maternity. The participants were 35 nurses working in direct care of newborns in the NICU. Data collection was performed through semi-structured interview. It occurred from August 2014 to December 2014. Results: emerged 3 categories related to the steps pre-, peri- and post transfusion, in which are discussed nursing care, such as transfusion request and routing, realization of cross-matching, checking of blood bags; measurement of vital data before, during and after transfusion, actions before the transfusion reactions, notifications, disposal of blood components bags and evolution of activities. Conclusion: it was observed that nurses interviewed had knowledge of some of the stages associated with the transfusion act, however it is possible to see that still there are some weak points in knowledge
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/10867
Appears in Collections:MESP-MI - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ESTEFANIA CHEREM DISSERTAÇÃO.pdf2.03 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons