Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/1103
Title: Capacidade funcional de pacientes adultos e idosos com úlceras venosas: um estudo de avaliação da enfermagem
Authors: Santos, Renata da Costa
metadata.dc.contributor.advisor: Camacho, Alessandra Conceição Leite Funchal
metadata.dc.contributor.members: Stipp, Marluci Andrade Conceição
Oliveira, Beatriz Guitton Renaud Baptista de
Issue Date: 2013
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Santos, Renata da Costa. Capacidade funcional de pacientes adultos e idosos com úlceras venosas: um estudo de avaliação da enfermagem. 2013. 79 f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Ciências do Cuidado em Saúde)- Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa, Niterói, 2013
Abstract: A perda da capacidade funcional em pacientes adultos e idosos portadores de úlcera venosa prejudica a realização das atividades básicas e instrumentais do seu cotidiano. Mediante este fato, emerge a necessidade da avaliação da capacidade funcional com a proposta de melhorar a qualidade de vida desses pacientes através da prevenção de complicações e possibilidade de tratamentos que até alguns anos atrás eram impensados na perspectiva de um prognóstico de vida favorável para enfermidades, principalmente as crônicas. Partindo desse pressuposto, o objeto de estudo desta pesquisa é a avaliação da capacidade funcional em pacientes adultos e idosos portadores de úlceras venosas. E com base no pensamento apresentado anteriormente, emergiu como problema de pesquisa a seguinte questão: como a úlcera venosa pode influenciar na qualidade de vida do paciente adulto e idoso? Partindo das considerações realizadas, esta pesquisa vislumbrou os seguintes objetivos: avaliar a capacidade funcional de pacientes adultos e idosos portadores de úlceras venosas, identificar o impacto das limitações funcionais no auto-cuidado de pacientes adultos e idosos portadores de úlceras venosas e discutir a relação da capacidade funcional e qualidade de vida em pacientes adultos e idosos portadores de úlceras venosas. O estudo abordado nesta dissertação teve o delineamento do tipo transversal com enfoque observacional através avaliação da capacidade funcional dos pacientes adultos e idosos com úlceras com abordagem quantitativa descritiva simples, com amostra de 35 pacientes avaliados no Hospital Universitário Antônio Pedro. Esta pesquisa obteve parecer favorável do comitê de ética em pesquisa, CAAE 04826812.4.0000.5243 com parecer n.128.921, da Instituição de Saúde em conformidade com a Resolução 466 de 2012 do Conselho Nacional de Saúde. Os dados foram coletados entre os meses de janeiro e abril de 2013 e para análise dos dados foi utilizada a estatística descritiva. A análise descritiva apresentou na forma de tabelas os dados observados, expressos pela média, desvio padrão, mediana, mínimo e máximo para dados numéricos, e freqüência (n) e percentual (%) para dados categóricos. Como resultado identificamos uma predominância do sexo feminino, idade média de 61,1, baixo nível de escolaridade e de renda familiar. Ao avaliar os idosos e adultos portadores de úlceras venosas através da escala de vida diária e instrumental de vida diária foi possível observar que eles apresentaram grau de independência satisfatório e um escore máximo de satisfação em relação à qualidade de vida por não apresentarem no momento complicações que levam à incapacidade funcional por perda de força muscular. Contudo, mediante os objetivos propostos deste estudo comprovou-se que o portador de úlcera venosa consegue sim desenvolver a maioria das atividades do seu cotidiano, embora receba assistência em alguma delas. Mas não é um fator preditivo. Porém a dependência, mesmo que parcial, interfere na qualidade de vida do sujeito. Principalmente quando este se encontra em pleno exercício de suas atividades laborais como os sujeitos adultos desta pesquisa.
metadata.dc.description.abstractother: The loss of functional capacity in adult and elderly patients with venous ulcers affect the realization of basic and instrumental activities of their everyday life. Thus, emerges the need for assessment of functional capacity with the proposal to improve these patients life quality by preventing complications and enabling treatments that were until unthought in a perspective of a life favorable prognosis for diseases, especially chronic ones. Based on these facts, the object of this research is the assessment of functional capacity in adults and elderly patients with venous ulcer patients, emerging as a research problem the following question: how venous ulcer can influence the adult and elderly patient life quality? Starting from these considerations, this research present the following objectives : assess the functional capacity of adult and elderly patients with venous ulcers , identify the impact of functional limitations in self - care of adult and elderly patients with venous ulcers and discuss the relationship of functional capacity and quality of life in adults and elderly patients with venous ulcer patients. The study discussed in this dissertation was designed by cross-sectional observational approach to functional capacity evaluation through adult and elderly patients with ulcers with simple descriptive quantitative approach with a sample of 35 patients evaluated at the University Hospital Antonio Pedro . This research obtained the assent of the research ethics committee, CAAE 04826812.4.0000.5243 with n.128.921 opinion, the Institution of Health in accordance with Resolution 466 of the 2012 National Health Council. Data were collected between January and April 2013 and analysed using descriptive statistics. Descriptive analysis showed the observed data , expressed as mean , standard deviation, median , minimum and maximum for numeric data , and frequency ( n ) and percentage ( % ) for categorical data in tables . As a result we identified a predominance of females, mean age 61.1, low education level and family income. In assessing the elderly and adults with venous ulcers across the range of daily living and instrumental daily life we observed that they had satisfactory degree of independence and a maximum score of satisfaction with the life quality for not having the time complications lead to functional impairment for loss of muscle strength. However, this study proved venous ulcers patient can develop most of their daily activities, needing assistance to execute any of them. This is not a predictive factor, but dependence, even partial, interferes on subject’s life quality, especially when it is in full exercise of their professional activities, as we can see in adult subjects in this study.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/1103
Appears in Collections:PACCS - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Renata da Costa Santos.pdf2.07 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.