Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/11083
Title: Atitudes e representações linguísticas sobre falares PB
Authors: Simões, Rafaela de Almeida
metadata.dc.contributor.advisor: Pereira, Telma Cristina de Almeida Silva
metadata.dc.contributor.members: Savedra, Mônica Maria Guimarães
Salgado, Ana Cláudia Peters
Lagares, Xóan
Issue Date: 2012
Abstract: Estudos recentes acenam para um crescente interesse dos linguistas a respeito dos sentimentos, opiniões, crenças e comportamentos dos falantes em relação às diferentes línguas e às diferentes variedades de uma mesma língua. Todos esses processos, que se fundamentam nos conceitos de atitude e representação linguística, constituem uma questão de pesquisa bastante pertinente tendo em vista sua estreita relação com o ensino/ aprendizagem de línguas, criação de políticas linguísticas e o estudo do comportamento social. Fundamentado nesses estudos, no âmbito da sociolinguística, esta pesquisa dedicou-se a verificar as atitudes e representações de estudantes do 3o ano do Ensino Médio de algumas instituições de ensino do Rio de Janeiro a respeito de alguns falares do Português do Brasil. A investigação se desenvolveu a partir de um corpus de amostras de fala coletadas pelos projetos “Norma urbana culta” (NURC - Rio de Janeiro), “Variação linguística na Região Sul do Brasil” (VARSUL - Rio Grande do SUL) e “Grupo de estudos linguísticos do oeste do Pará” (GELOPA - Pará), que foi exposto aos sujeitos da pesquisa para que respondessem a uma enquete. Pretendemos, com esse trabalho, obter uma pequena amostra da atual situação do preconceito linguístico no Rio de Janeiro considerando a passagem de doze anos desde a última reformulação dos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs), que preveem a defesa e o respeito à diversidade linguística brasileira.
metadata.dc.description.abstractother: Recent studies beckon to a growing interest of linguists about the feelings, opinions, beliefs and behaviors of speakers for the different languages and different varieties of the same language. All of these processes, which are based on the concepts of attitude and linguistic representation, constitute a research question very pertinent in view of its close relationship with the teaching / learning languages, language policy creation and study of social behavior. Based on these studies, as part of sociolinguistics, this research was devoted to ascertaining the attitude / performance of students in 3rd year high school of some schools at Rio de Janeiro to speak about some of the Portuguese in Brazil. The investigation grew out of a corpus of speech samples collected by the projects "standard urban enlightened" (NURC - Rio de Janeiro), "Linguistic Variation in Southern Brazil" (VARSUL - Rio Grande do SUL) and "Group linguistic studies in western Pará "(GELOPA - Pará), which was exposed to the research subjects to answer a poll. Our intention with this work, get a small sample of the current situation of linguistic prejudice in Rio de Janeiro considering the passage of twelve years since the last overhaul of the National Curriculum Parameters (PCNs), which predict the defense and respect for linguistic diversity in Brazil.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/11083
Appears in Collections:POSLING - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
rafaela_simões.pdf924.58 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons