Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/11702
Title: Atribuindo implicitamente emoção em faces neutras: efeito no comportamento
Authors: Nudelman, Marta de Freitas
metadata.dc.contributor.advisor: Oliveira, Letícia de
metadata.dc.contributor.advisorco: Pereira, Mirtes Garcia
metadata.dc.contributor.members: Mendlowicz, Mauro Vitor
Volchan, Eliane
Erthal, Fátima Cristina Smitch
Issue Date: 2018
Citation: NUDELMAN, Marta de Freitas. Atribuindo implicitamente emoção em faces neutras: efeito no comportamento. 2018. 103 f. Dissertação (Mestrado em Neurologia/Neurociências) - Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2018.
Abstract: Evidências convergentes sugerem que as expressões faciais são de extrema importância para a interação e comunicação social. A percepção emocional das faces pode influenciar na produção e regulação de estados afetivos que modificam comportamentos sociais adaptativos. Um fato não menos importante sobre as expressões faciais é que sua percepção e processamento cerebral podem ser modulados por traços individuais e pelo contexto no qual estão inseridas. Isto parece ser verdade especialmente para faces neutras por serem mais ambíguas e extremamente moduláveis. De fato, trabalhos prévios da literatura indicam que a percepção de faces é alterada por uma informação prévia. Entretanto, a quase totalidade destes trabalhos utilizou um desenho experimental no qual as informações prévias eram explicitamente associadas às faces (por exemplo, informações biográficas sobre as faces). Neste trabalho, utilizamos uma abordagem implícita de pré-ativação para atribuir emoção a faces neutras. Para isto, em uma amostra universitária saudável, investigamos se uma manipulação de pré-ativação por apresentação de um texto negativo (sobre abuso sexual infantil) em um primeiro experimento, promoveria efeito sobre o processamento de faces neutras em um segundo experimento. Como controle, outro grupo de participantes realizou a leitura de um texto neutro (sobre carteira de identidade). No segundo experimento, todos os participantes realizaram testes comportamentais divididos em duas tarefas amplamente utilizadas na literatura. A primeira consistia na tarefa de julgar a orientação de duas barras periféricas na qual as faces neutras eram apresentadas como distrativas e a segunda consistia na tarefa de julgar valência das figuras apresentadas, na qual as faces neutras estavam no foco da atenção. Os resultados mostram que a pré-ativação gerada pelo texto negativo do primeiro experimento promoveu um efeito na tarefa de julgamento da valência das figuras apresentadas, com aumento do número de faces neutras julgadas como negativas quando comparado ao efeito gerado pelo texto neutro. Este resultado confirma a hipótese principal desse trabalho de que a pré-ativação de informações negativas do primeiro experimento promoveria uma atribuição implícita de emoção às faces neutras apresentadas no segundo experimento. Já em relação ao tempo de reação, tanto na tarefa de julgamento de barras, como na própria tarefa de julgamento de valência das figuras, não foi observada nenhuma modulação pela pré-ativação induzida pelo texto prévio. Estes resultados evidenciam que uma informação apresentada em um experimento anterior e independente é capaz de alterar o comportamento em um experimento subsequente, mesmo quando realizado com intervalo de alguns minutos. Portanto, o presente trabalho acrescenta à literatura importante evidência de que nossos comportamentos e ações são moduláveis por informações precedentes de maneira implícita ou pouco percebida
metadata.dc.description.abstractother: Convergent evidence suggests that facial expressions are extremely important for interaction and social communication. Emotional perception of faces can influence the production and regulation of affective states that modify adaptive social behaviors. A fact not less important about facial expressions is that their perception and brain processing can be modulated by individual traits and by the context they are inserted. This seems to be true especially for neutral faces because they are more ambiguous and extremely modulable. In fact, previous studies in the literature indicates that the perception of faces is altered by previous information. However, almost all of these studies used an experimental design which explicitly associated the previous information with the faces (for example, biographical information about the faces). In this study, we used a priming approach to investigate if it’s possible to attribute emotion to neutral faces in a healthy sample. For this, we investigate whether a priming text, a negative text about child sexual abuse presented in a first experiment, would impact the processing of neutral faces in a second experiment. The control group read a neutral text (about identity card). In the second experiment, all participants performed two behavioral tasks widely used in the literature. The first task consisted of judging the orientation of two peripheral bars while neutral faces were presented as distractors, and the second task consisted of judging the valence of the pictures. In this second task neutral faces were in the focus of attention. The results show that the priming generated by the negative text of the first experiment increased the number of neutral faces judged as negative when compared to the effect generated by the neutral text. This result confirms the main hypothesis of this work that a negative priming information from the first experiment would promote an implicit attribution of emotion to the neutral faces presented in the second experiment. Regarding the reaction time, no modulation was observed by the priming manipulation, neither the bar judgment task nor in the valence judgment task. These results show that information presented in a previous and independent experiment can alter the behavior in a subsequent experiment, even when it was performed a few minutes later. Therefore, the present study adds to the literature an important evidence that our behavior and actions are modulated by previous information in an implicit or low perceived way
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/11702
Appears in Collections:PPGN - Dissertações - Niterói

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao-Final-Marta (3).pdf1.72 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.