Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/11775
Title: Acessível ou não? Eis a questão! Analisando a acessibilidade do Centro Histórico de Paraty (RJ) por meio da experiência turística da pessoa com deficiência física
Authors: Rodrigues, Luciana
metadata.dc.contributor.advisor: Cheibub, Bernardo Lazary
metadata.dc.contributor.members: Cohen, Regina
Ferreira, Helena Catão Henriques
Issue Date: 2019
Citation: RODRIGUES, Luciana. Acessível ou não? Eis a questão! Analisando a acessibilidade do Centro Histórico de Paraty (RJ) por meio da experiência turística da pessoa com deficiência física. 2019. 194 f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Turismo) - Programa de Pós-Graduação em Turismo, Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2019.
Abstract: O Brasil tem aproximadamente 45 milhões ou 23,9% de pessoas que declaram ter alguma deficiência. O contexto pesquisado revelou-se com as experiências vividas pela autora em Paraty, pois o deslocamento nesta cidade, em particular, no seu Centro Histórico, sempre foi dificultoso para todos, em especial para pessoas com deficiência (PCD). Trata-se de uma cidade de patrimônios naturais, históricos e culturais, que lhe deram o título de Patrimônio Mundial como Sítio Misto, destacando-a no segmento de Ecoturismo, Turismo Cultural, entre outros, mas que não possibilita que todas as pessoas possam visitá-la, de forma autônoma e segura. Destarte, delineou-se como objetivos da pesquisa: a investigação das barreiras para a mobilidade de pessoas com deficiência no Centro Histórico de Paraty e entorno, e ainda, a verificação se há um paradoxo entre tombamento de patrimônio e acessibilidade, observando o posicionamento de alguns agentes sociais do turismo, tais como o IPHAN, a Gestão Pública Municipal e a pessoa com deficiência física quanto à acessibilidade naquela cidade. Para tanto, usou-se a metodologia de Pesquisa de Base Etnográfica, com observações diretas em campo, entrevistas semiestruturadas e acompanhamento da experiência turística in loco de uma pessoa com deficiência física. Dessa forma, essa pesquisa se propõe a trazer à luz o debate sobre os motivos pelos quais uma cidade que tem um fluxo de turistas constante durante todo o ano, fomentado por seus eventos e desejosos em conhecer seu patrimônio, ainda não proporciona total acessibilidade às pessoas com deficiência. Com isso, pretende-se contribuir para a inclusão de PCD na sociedade, mostrando a importância da acessibilidade para que todos tenham direito à mobilidade e, por consequência, todos possam desfrutar de experiências turísticas nos destinos que desejarem conhecer, sendo o Turismo Acessível o resultado de uma sociedade justa.
metadata.dc.description.abstractother: There are about 45 million or 23.9% of people with disabilities in Brazil. The context of this research arose from the experiences the author had lived in Paraty due to the difficult mobility in that city, particularly, in its Historical Center, which has caused problems for everyone to walk around it, especially for disabled people. It is a city of natural, historical and cultural heritage, which was inscribed on UNESCO’s World Heritage List as a Mixed Site, highlighting it as a destination for Ecotourism, Cultural Tourism and others, but, in reality, the city does not allow all kinds of people to visit it safely and autonomously. Thus, the research objectives were outlined to investigate the barriers to mobility of disabled people in the Historical Center and its surroundings, and also, to verify if there is a paradox between heritage and accessibility, observing the role of some social tourism agents, such as IPHAN, the Municipal Management and disabled people regarding accessibility in that city. Also, the methodology chosen to carry out the research was the Ethnographic Study-Based, with direct observations in field, semi-structured interviews conducted and monitoring of the tourist experience of a disabled person. Consequently, this research aims to promote the debate on the reasons why Paraty, which is one of the most visited city in the country by national and international tourists, has not provided total accessibility to disabled people yet. As a result, this study intends to contribute to the inclusion of disabled people in society, showing the importance of accessibility as a right of everyone to have tourist experiences, so that the Acessible Tourism reflects a just society.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/11775
Appears in Collections:MAT - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_Luciana_Rodrigues.pdf13.41 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.