Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/11893
Title: Análise de demandas de camadas de proteção definidas com a metodologia LOPA utilizando um sistema de gestão de ativos em instrumentação
Other Titles: Analysis of protection layers demands defined by LOPA methodology using an instrumentation asset management system
Authors: Halasz, Marcelo Teixeira
metadata.dc.contributor.advisor: Ferraz, Fernando Toledo
metadata.dc.contributor.members: Hecksher, Suzana Dantas
Santos, Isaac José Antônio Luquetti dos
Sant'Anna, Annibal Parracho
Issue Date: 11-Dec-2017
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: HALASZ, Marcelo Teixeira. Análise de demandas de camadas de proteção definidas com a metodologia LOPA utilizando um sistema de gestão de ativos em instrumentação. 2017. 74 f. Dissertação (Mestrado em Sistemas de Gestão) – Universidade Federal Fluminense. Escola de Engenharia, Niterói, 2017.
Abstract: A aplicação de metodologia LOPA (Layer of Protection Analysis) para análise de riscos representou um avanço na gestão de segurança de processos industriais proporcionando uma avaliação mais detalhada, uniforme e simplificada de riscos associados aos processos. Atualmente a indústria reconhece cada vez mais o valor de se utilizar indicadores proativos de segurança de processo que estão particularmente ligados à monitoração das demandas de camadas de proteção dos sistemas de segurança e representam um evento real ou a descoberta de uma situação de alto risco potencial. O desenvolvimento de boas métricas para estes indicadores envolve a padronização do escopo de um sistema de gestão de ativos desde a definição das razões pelas quais os dados estão sendo coletados até a de como eles serão utilizados e apresentados ao usuário. Neste trabalho propõe-se o desenvolvimento e aplicação de nova abordagem metodológica para monitoração das demandas de camadas de proteção através do levantamento de informações e de uma análise estatística, onde os resultados observados são comparados aos dados documentados de frequências de causas iniciadoras estipuladas para os cenários de risco e utilizadas para projeto e cálculo das camadas de proteção segundo a metodologia LOPA. Através de um tratamento estatístico de dados históricos das demandas busca-se verificar se a quantidade de demandas observadas está de acordo com a esperada segundo a análise de risco. Os resultados mostram que, para as unidades em estudo, a quantidade de demandas reais é maior que a esperada através da metodologia LOPA em aproximadamente 30% das camadas de proteção analisadas. De acordo com o referencial teórico adotado, podemos levantar possíveis causas deste desvio relacionadas ao projeto e à configuração das camadas de proteção. Através da aplicação da abordagem metodológica proposta, este estudo pode ser adaptado e replicado em outras unidades visando contribuir para o conhecimento e prevenção de anomalias de segurança de processo, auxiliando a identificação de indicadores proativos de segurança e o diagnóstico de eventuais fragilidades na configuração e operação de uma planta industrial, nas revisões das análises de risco e no projeto conceitual dos sistemas de camadas de proteção
metadata.dc.description.abstractother: The application of LOPA (Layer of Protection Analysis) methodology for risk analysis represented an advance in industrial process safety management, providing a more detailed, uniform and simplified assessment of associated risks to the processes. Industry is increasingly recognizing the value of using proactive process safety indicators that are particularly linked to monitoring the demands of layers of protection of security systems and represent a real event or the discovery of a potentially high risk situation. The development of good metrics for these indicators involves standardizing the scope of an asset management system from defining the reasons why data is being collected to how it will be used and presented to the user. This dissertation proposes the development and application of a new methodological approach to monitor the demands of layers of protection through the collection of information and a statistical analysis, where the observed results are compared to the documented data of initiating causes frequencies stipulated for risk scenarios and used for design and calculation of layers of protection according to LOPA methodology. Through a statistical treatment of historical data of the demands, it is sought to verify if the number of observed demands obtained are in agreement with those expected in the risk analysis. The results show that, for the units under study, the number of real demands is higher than expected through the LOPA methodology in approximately 30% of analyzed protection layers. According to the theoretical references adopted, we can consider possible causes of this deviation related to the design and configuration of the layers of protection. Through the application of the proposed procedure, this study can be adapted and replicated in other units aiming to contribute to the knowledge and prevention of process safety anomalies, helping to identify proactive safety indicators and the diagnosis of eventual fragilities in the configuration and operation of an industrial plant, in the reviews of risk analysis and in conceptual design of protection layer systems.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/11893
Appears in Collections:MSG - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert Marcelo T Halasz.pdf1.44 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.