Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/12109
Title: Detecção molecular do Circovírus suíno tipo 2 (PCV-2),torque teno vírus suíno 1 e 2 (TTSuV1 e TTSuVk2) e achados histopatológicos em órgãos de suínos submetidos ao abate regular no Estado do Espírito Santo
Authors: Souza, Amanda Eduarda de
metadata.dc.contributor.advisor: Castro, Tatiana Xavier de
metadata.dc.contributor.advisorco: Silveira, Renato Luiz
metadata.dc.contributor.members: Corrêa, Adriana de Abreu
Varella, Rafael Brandão
Carvalho, Eulógio Carlos Queiroz de
Issue Date: 2019
Abstract: O Circovírus suíno (PCV-2) e o Torque teno sus virus 1 e 2 (TTSuV1) (TTSuVk2) são dois patógenos que merecem destaque dado seu impacto na suinocultura, entretanto existem até o momento poucos dados sobre a circulação destes agentes nos animais produzidos no Espírito Santo bem como dados sobre o impacto da infecção subclínica desses agentes em animais submetidos ao abate regular. O objetivo geral deste trabalho foi avaliar a presença de PCV-2, TTSuV1 e TTSuVk2 em amostras de vísceras de suínos submetidos ao abate regular no estado do Espírito Santo, através da detecção molecular e análise histopatológica. As amostras foram obtidas no período de junho de 2017 e maio de 2018, durante processo de evisceração realizado na rotina diária em abatedouro localizado na região sul do estado do Espírito Santo. Foram coletadas em duplicata amostras de pulmão, rim, fígado e linfonodo de 35 animais, totalizando 280 amostras. Um total de 140 amostras foi acondicionado em potes plásticos contendo formalina neutra tamponada a 10% e encaminhado ao laboratório de morfologia e patologia animal (LMPA) da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF) para processamento histopatológico. As demais foram acondicionadas em potes plásticos, mantidas sob refrigeração e encaminhadas ao laboratório de Virologia Animal da Universidade Federal Fluminense (UFF) para detecção molecular. Após a extração do DNA, foi realizada a nested PCR e a PCR em tempo real para a detecção do PCV-2, ambos tendo como alvo o gene que codifica a região de capsídeo. Para a detecção dos genomas dos TTSuV1 e TTSuVk2 foram utilizados os iniciadores que amplificam uma sequência parcial da UTR. Um total de 10 animais (29%) foram considerados positivos para PCV-2. Em relação ao TTSuV1, 14 animais testados foram considerados positivos (40%) e em relação ao TTSuVk2, 23 animais testados foram considerados positivos (66%). Coinfecções por PCV-2, TTSuV1 e TTSuVk2 foram observadas na maioria dos animais desse estudo (aproximadamente 70%). O principal achado em amostras de linfonodos positivas para PCV-2 foi à depleção linfocitária. O mesmo foi observado em amostras positivas para TTSuVk2. Em fragmentos de pulmão, a pneumonia intersticial foi o principal achado nas amostras positivas para PCV-2 e/ou TTSuVk2. Para TTSuV1, o rim foi o órgão com maior número de amostras positivas, entretanto não foram observadas alterações histopatológicas específicas associadas à presença desse agente. Os animais subclínicos apresentaram múltiplas alterações histopatológicas e tais alterações resultam em prejuízo econômico contínuo nas granjas e na indústria. Dessa forma o monitoramento desses agentes é fundamental na tomada de medidas de prevenção e controle.
metadata.dc.description.abstractother: The porcine circovirus (PCV-2) and the Torque teno sus virus 1 and 2 (TTSuV1) (TTSuVk2) are two pathogens that deserve special mention due to their impact on swine culture, however there are so far few data on the circulation of these agents in the animals produced in Espírito Santo as well as data on the impact of subclinical infection of these agents on animals submitted to regular slaughter. The objective of this study was to evaluate the presence of PCV-2, TTSuV1 and TTSuVk2 in swine tissue samples submitted to regular slaughter in the state of Espírito Santo, through molecular detection and histopathological analysis. The samples were obtained from June 2017 to May 2018, during the evisceration process carried out in the daily routine at a slaughterhouse located in the southern region of the state of Espírito Santo. Samples of 35 animals were collected in duplicate (280 samples). A total of 140 samples were collected in 10% buffered neutral formalin and sent to the Laboratory of morphology and animal pathology (LMPA) of the State University of North Fluminense Darcy Ribeiro (UENF) for histopathological processing. The others were kept under refrigeration and sent to the Laboratory of Animal Virology of the Federal Fluminense University (UFF) for molecular detection. After DNA extraction, nested PCR and real-time PCR were performed for the detection of PCV-2, both targeting the gene encoding the capsid region. For detection of the TTSuV1 and TTSuVk2 genomes primers were used that amplify a partial sequence of the UTR. A total of 10/35 animals (29%) tested positive for PCV-2. Regarding TTSuV1, 14/35 animals tested positive (40%) and 23/35 tested positive for TTSuVk2, (66%). Coinfections by PCV-2, TTSuV1 and TTSuVk2 were observed approximately 70% of the animals in this study. The main finding in PCV-2 positive lymph node samples was lymphocyte depletion. The same was observed in samples positive for TTSuVk2. In lung fragments, interstitial pneumonia was the main finding in samples positive for PCV-2 and / or TTSuVk2. For TTSuV1, the kidney was the organ with the highest number of positive samples, however, no specific histopathological changes were associated with the presence of this agent. Subclinical animals presented multiple histopathological changes and such changes result in continued economic damage to farms and industry. In this way, the monitoring of these agents is fundamental in the taking of prevention and control measures.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/12109
Appears in Collections:PPGMPA - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
dissertação atualizada com ficha catalográfica.pdf1.47 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons