Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/12127
Title: Corpos do poder: operadores jurídicos na periferia de São Paulo.
Other Titles: Power bodies: legal operators in São Paulo’s outskirts
Authors: Sinhoretto, Jacqueline
Issue Date: Jun-2005
Citation: SINHORETTO, Jacqueline. Corpos do poder: operadores jurídicos na periferia de São Paulo. Sociologias, Porto Alegre , n. 13, p. 136-161, June 2005 .
metadata.dc.relation.ispartof: Sociologias, Porto Alegre , n. 13, p. 136-161, June 2005 .
Abstract: O texto propõe-se a interpretar situações observadas em pesquisa de campo realizada em um equipamento público inovador quanto à organização dos serviços de justiça e segurança. Trata-se de levantamento de dados sobre a implementação e o funcionamento dos Centros de Integração da Cidadania - CIC, programa governamental desenvolvido em São Paulo (Brasil), que visa melhorar o acesso à justiça e à cidadania e também à segurança das populações residentes em bairros periféricos. O programa apoiava-se na visão de que a democratização da sociedade brasileira relaciona-se intimamente com a adoção, pelos órgãos da Justiça, de outras funções e feições: ao invés de agentes da repressão penal na periferia, os operadores da justiça, a partir dos CIC, passariam ao papel de agentes da efetivação da cidadania nos espaços de maior exclusão social. Para a análise, elegeu-se o referencial analítico foucaultiano, em que é central o tema da corporificação - a produção cultural e política dos corpos. Interroga-se em que medida o desempenho dos operadores no programa indica possibilidades políticas de resistência, introduz rupturas na constante diferenciação entre os corpos, que caracteriza a atividade judicial clássica, abre possibilidades para a emergência de uma nova corporificação dos agentes públicos da justiça, reduzindo a desigualdade entre operadores e cidadãos comuns (de modo a contribuir para a construção de uma cidadania pautada na igualdade jurídica e na democracia). Procura-se desvendar os sutis mecanismos pelos quais a atuação do Estado cria efeitos de validação do poder de uma classe sobre as outras.
metadata.dc.description.abstractother: This text aims at interpreting situations observed in field research carried out on an innovative public facility regarding organization of justice and security services. It is a survey about implementation and workings of Integrated Citizenship Centers, known as CIC – a government program developed in São Paulo (Brazil) in order to improve access to justice and citizenship rights as well as the safety of populations of neighborhoods located in the outskirts. The program was based on the view that democratization of Brazilian society is closely related to the adoption of different functions and features by Judiciary organs: instead of being agents of criminal repression in the outskirts, justice operators, based on the CICs would become agents of citizenship rights in spaces of more social exclusion. For the analysis, Foucaultian thought was elected as the analytical reference, to which the issue of corporification – the cultural and political production of bodies – is crucial. The question posed is to which degree the performance of the program’s operators points out possibility of resistance, introduces ruptures in the permanent differentiation between bodies, which mark classical legal activity, opens possibilities for the emergence of a new corporification of justice’s public agents, thus reducing inequality between operators and common citizens (so as to contribute to the construction of a citizenship based on legal equality and democracy). We try to reveal the subtle mechanisms through which State action creates effects of power validation of one class over others
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/12127
Appears in Collections:NEPEAC - Artigos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
23559.pdf884.24 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons