Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/12201
Title: O município de Macaé: fortunas agrárias na transição da escravidão para o trabalho livre
Authors: Ferreira, Ana Lúcia Nunes
metadata.dc.contributor.advisor: Faria, Sheila Siqueira de Castro
Issue Date: 2001
Abstract: O presente estudo trata dos reflexos da crise do trabalho escravo sobre as fortunas agrárias do município de Macaé, situado no Estado do Rio de Janeiro. A análise desenvolve-se a partir da segunda metade de século XIX, marcado pela interrupção do tráfico de escravos, e avança até 1920, ano em que foi aberto o inventário dos bens de José Manoel Carneiro da Silva, filho do II Visconde de Araruama, Bento Carneiro da Silva, com Raquel Francisca de Castro Neto Carneiro. Ao longo da pesquisa, buscou-se analisar a constituição das fortunas locais no período escravista e no pós-abolição, observando-se as variações quanto ao montante e às características dos ativos expressos no inventários. Buscou-se ainda elaborar uma amostra, com base no corpo documental coletado, das características socio-econômicas do município. As alternativas encontradas pelos plantadores locais para solucionar os problemas produzidos pelo lenta emancipação dos escravos foram discutidas nos periódicos locais e analisadas em vários momentos da pesquisa. Procedeu-se a análise de inventários e outras documentações de natureza cartóraria, além dos recursos oferecidos por outras fontes.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/12201
Appears in Collections:PPGH - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação História O município de macaé.pdf7.1 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons