Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/1232
Title: A residência como cenário educativo para enfermeiros: o uso da metodologia da problematização
Authors: Melo, Myllena Cândida de
metadata.dc.contributor.advisor: Queluci, Gisella de Carvalho
metadata.dc.contributor.advisorco: Gouvêa, Mônica Villela
metadata.dc.contributor.members: Tavares, Claudia Mara de Melo
Guimarães, Tereza Cristina Felippe
Issue Date: 2013
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Melo, Myllena Cândida de. A residência como cenário educativo para enfermeiros: o uso da metodologia da problematização. 2013. 119 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino na Saúde)- Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa, Niterói, 2013
Abstract: A aplicação da metodologia da problematização no processo de ensino-aprendizagem e nas relações estabelecidas durante as atividades de uma residência pode contribuir para que o aluno se descubra enquanto ser integral e como parte de uma totalidade, resgatando seus conhecimentos e aplicando-os à realidade, aprendendo assim de modo significativo. Isto possibilita formar profissionais mais preparados para o trabalho em equipe e para a integralidade da atenção à saúde, capazes de continuar a aprender durante a vida profissional (AGUILAR-DA-SILVA; ROCHA JUNIOR, 2010). OBJETIVO: Primário - Analisar a aplicação da metodologia da problematização no ensino de residentes de Enfermagem de um Programa de Residência Multiprofissional em Oncologia. Secundários - Identificar as dimensões de problemas vivenciados pelos residentes de Enfermagem de um Programa de Residência Multiprofissional em Oncologia; Discutir possíveis avanços na construção do conhecimento sobre os problemas vivenciados pelos residentes de Enfermagem de um Programa de Residência Multiprofissional em Oncologia com base na aplicação da metodologia da problematização. METODOLOGIA: Trata-se de uma pesquisa descritiva com abordagem qualitativa, desenvolvida em um hospital ensino da rede pública do Rio de Janeiro, que oferece o Programa de Residência Multiprofissional em Oncologia, onde os participantes da pesquisa foram residentes de Enfermagem deste programa, ingressos no ano de 2012. O projeto foi submetido e aprovado por Comitê de Ética reconhecido no CNS, registro CAAE - 0062.0.153.000-10, processo nº 1236/2010. Desta forma segue todos os quesitos éticos. A coleta de dados foi embasada nas etapas do arco de Maguerez (observação da realidade – pontos-chave – teorização – hipóteses de solução – aplicação à realidade), e posteriormente analisados segundo Bardin. RESULTADOS: Os dados foram analisados em duas categorias temáticas: A prática assistencial da Enfermagem como cenário no processo ensino-aprendizagem e Metodologia da Problematização: estratégia de ensino para a autonomia do residente de Enfermagem. Quanto aos participantes percebeu-se um grupo jovem, com pouco tempo de formado e possível inexperiência profissional enquanto enfermeiros, entretanto participativo, interessado e disposto a discutir questões de seu cotidiano, onde trouxeram como base para o debate a situação-problema “A desestrutura da residência com foco na preceptoria”. O grupo como um todo levantou questionamentos abrangendo várias dimensões do problema, desde sua concepção conceitual, histórica, perpassando a jurídica, operacional, econômica até a emocional/afetiva, além de construírem soluções ou pelo menos preposições para solução do mesmo. Durante o debate, os participantes identificaram também fatores potencializadores e limitantes da preceptoria no programa em questão. PRODUTO: Tendo como iminente anseio transmitido pelo grupo, seu acolhimento e treinamento no cenário prático por parte dos preceptores e equipe de saúde em geral, este estudo traz como produto e contribuição à construção de um protocolo de ensino prático do novo residente no cenário da residência, partindo desde seu acolhimento e ambiência, perpassando o planejamento e implementação dos cuidados de Enfermagem a partir de situações-problema até a avaliação de todo o processo. CONCLUSÃO: A partir da aplicação da problematização, percebeu-se o acréscimo de conhecimento do grupo, advindo do potencial para o estímulo à autonomia dos sujeitos, onde os mesmos aprendem por meio da investigação e reflexão crítica de seus objetivos de aprendizagem, relacionando-os a realidade e por conseguinte, transformando-a. Assim, a metodologia da problematização emerge como uma estratégia pedagógica, por aproximar o ensino à realidade, onde indivíduos de diferentes contextos sociais interagem intercambiando saberes e experiências, ressignificando conceitos e valores, refletindo sobre a realidade, repensando pontos problemáticos, pesquisando, questionando, teorizando e buscando soluções para alteração, transformação da realidade vivida, através da reflexão, mas principalmente da ação.
metadata.dc.description.abstractother: The application of the methodology of problematization in the teaching - learning and the relationships established during the activities of a residence can contribute to the student to discover while being full and as part of a whole, rescuing their knowledge and applying them to reality, learning so significantly. This enables training professionals better prepared for teamwork and for comprehensive health care, able to continue to learn throughout their professional life (AGUILAR -DA - SILVA; ROCK JUNIOR, 2010). OBJECTIVE: Primary - To evaluate the application of the methodology of problematization in teaching nursing residents from Multidisciplinary Residency Program in Oncology. Secondaries - Identify the dimensions of the problems experienced by nursing residents from Multidisciplinary Residency Program in Oncology; Discuss possible advances in the construction of knowledge about the problems experienced by nursing residents from Multidisciplinary Residency Program in Oncology, based on the application of the methodology of problematization. METHODOLOGY: This was a descriptive with approach qualitative, developed in a public teaching hospital in Rio de Janeiro, offering the Multidisciplinary Residency Program in Oncology, where the participants were nursing residents of this program, has entered in year 2012. The project was approved by the Ethics Committee acknowledged the CNS, record CAAE - 0062.0.153.000-10, process nº 1236/2010. The legal ethical aspects were attended. Collecting data was based on the steps of arc Maguerez (observation of reality - key points - theory - possible solutions - application to reality), and subsequently analyzed according to Bardin, the elaboration of thematic categories. RESULTS: The data were analyzed in two themes: The practice of nursing care as a setting in the teaching- learning and methodology of problematization: teaching strategy for the autonomy of the resident of Nursing. As for the participants noticed a young group, with small training time and possible professional inexperience as nurses, participatory however, interested and willing to discuss issues of their daily lives, which brought as a basis for discussion the problem situation " The destructures the residence with focus in the preceptorship". The group as a whole raised questions covering various dimensions of the problem, since its dimension conceptual, historical, going through the legal, operational, economic to the emotional/affective, and build solutions or at least prepositions for the same solution. During the discussion, participants also identified potential and limiting factors the preceptorship of this program in question. PRODUCT: Having as imminent wish transmitted by the group, their reception and training in the practical setting by the preceptors and health professionals in general, this study brings the product and contribution to the construction of a practical teaching protocol new resident in the scenario of residence, starting from his reception and ambience, passing the planning and implementation of nursing care from problem situations to the evaluation of the whole process. CONCLUSION: From the application of questioning, it was noticed the increase of knowledge of the group, coming from the potential for stimulating the autonomy of individuals, where they learn through research and critical reflection of their learning objectives, linking them reality and thus transforming it. Thus, the problem methodology emerges as a pedagogical strategy for teaching approach to reality, where individuals from different social contexts interact by exchanging knowledge and experiences, redefines concepts and values, reflecting on reality, rethinking trouble spots, researching, questioning, theorizing and seeking solutions for change, transformation of the reality through reflection, but mostly the action.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/1232
Appears in Collections:MPES - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Myllena Cândida de Melo.pdf1.16 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.