Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/12387
Title: Causas de mortalidade em pacientes com doenças sistêmicas do tecido conjuntivo no Estado do Rio de Janeiro de 2006 a 2018
Authors: Vieira, Carol Sartori
metadata.dc.contributor.advisor: Gismondi, Ronaldo Altenburg Odebrecht Curi
metadata.dc.contributor.advisorco: Mocarzel, Luís Otávio Cardoso
metadata.dc.contributor.members: Olej, Beni
Santos, Márcia Maria Sales dos
Andrade, Carlos Augusto Ferreira de
Issue Date: 2019
Citation: VIEIRA, Carol Sartori. Causas de mortalidade em pacientes com doenças sistêmicas do tecido conjuntivo no Estado do Rio de Janeiro de 2006 a 2018. 2019. 46 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Médicas) Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2019.
Abstract: Introdução: As Doenças do Tecido Conjuntivo (DTC), englobam as comorbidades: Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES), Esclerose Sistêmica (ES), Síndrome de Sjogren, Complexo Dermatopolimiosite (DM/PM) e Vasculopatias Necrosantes. A morte nessas doenças pode ocorrer pela atividade da doença, seu tratamento e como complicações da inflamação crônica. Estudos mostram que as principais causas de morte neste grupo de doenças são cardiovasculares e infecciosas. Contudo, há uma divergência nos dados da literatura sugerindo que as causas de morte podem variar conforme região e renda da população. Não há muitos estudos que abranjam o perfil da mortalidade dessas doenças em nosso país. O conhecimento das causas de mortalidade é fundamental para elaborar estratégias contra fatores de risco modificáveis. Objetivos: Analisar as causas de morte em pacientes com DTC e comparar com a população em geral. Métodos: Estudo descritivo observacional, no qual a amostra populacional foi selecionada a partir de banco de dados dos atestados de óbito no Estado do Rio de Janeiro (Brasil) entre os anos 2006 e 2018. Considerou-se DTC as categorias da CID10 M30 a M36. A Síndrome de Sjogren, foi excluída do nosso estudo, em razão da forma como é encontrada no CID 10 (M35.0 – Outras afecções sistêmicas do Tecido Conjuntivo), inviabilizando nossa análise separadamente dessa doença. Foram coletadas informações sobre sexo e idade; analisadas as causas de morte quando a DTC foi considerada causa básica de morte (CBM) e comparadas com todos os óbitos em que a CBM não foi atribuída a uma DTC. Resultados: Foram incluídos 1.628.424 óbitos, sendo 2.200 pessoas portadoras de DTC. A idade do óbito foi menor nos pacientes com DTC (52 anos) e com predileção dos casos no gênero feminino (1.823, versus 377 em homens). Lupus Eritematoso Sistêmico (LES) foi apontada como a doença mais comum entre as mortes por DTCs (51,0%). Ao analisar a comparação dos portadores de DTC com a população em geral, dados sugerem que os indivíduos em todas as idades tinham maior probabilidade de morrer de infecções, seguidos de distúrbios respiratórios, geniturinários e hematológicos. Conclusão: pacientes com DTC morrem em idade mais jovem, principalmente mulheres, sendo a morte causada em sua maioria por infecções e complicações da fase ativa da doença
metadata.dc.description.abstractother: Introduction: Connective Tissue Diseases (TCD) include the comorbidities: Systemic Lupus Erythematosus (SLE), Systemic Sclerosis (SS), Sjogren's Syndrome, Dermatopolymyitis Complex (DM / PM) and Necrotizing Vasculopathies. Death in these diseases may occur due to disease activity, its treatment and complications of chronic inflammation. Studies show that the leading causes in this group of death are cardiovascular and infectious diseases. However, there is a divergence in the literature data suggested, as the causes of death may vary by region and population income. There are not many studies that cover the mortality profile of these diseases in our country. Knowledge of the causes of mortality is critical for strategies designed against modifiable risk factors. Objective: To analyze how causes of death in patients with CTD and compare with the general population. Methods: Observational descriptive study, the population sample was selected from the database of death certificates in the state of Rio de Janeiro (Brazil) between 2006 and 2018. CTD considered as ICD-10 categories M30 a M36. Sjogren's Syndrome was excluded from our study because of the way it is found in ICD 10 (M35.0 - Other systemic connective tissue disorders) making our analysis of this disease unfeasible. Information was collected on gender and age; analyzed as causes of death when CTD was considered a basic cause of death (BCD) and compared with all deaths in which BCD was not attributed to a CTD. Results: 1.628.424 deaths were included, of which 2.200 people with CTD. The age of death was lower in patients with CTD (52 years) and with a predilection of cases in females (1.823, compared to 377 in men). Systemic Lupus Erythematosus (SLE) was identified as the most common disease among deaths from CTD (51.0%). By analyzing the comparison of CTD patients with the general population, the data suggest that individuals at all ages were more likely to die, followed by respiratory, genitourinary, and hematological disorders. Conclusion: CTD patients die at a younger age, especially women, with death mostly due to infections and complications of the active phase of the disease.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/12387
Appears in Collections:PPGCM - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO Carol pos defesa - Cópia 1.pdf989.69 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons