Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/12427
Title: Análise econométrica dos determinantes econômicos da demanda turística internacional para o Estado do Rio de Janeiro
Authors: Camara, Isabela Lima Pinheiro da
metadata.dc.contributor.advisor: Monteiro, João Evangelista Dias
metadata.dc.contributor.advisorco: Santos, Glauber Eduardo de Oliveira
metadata.dc.contributor.members: Barbosa, Luiz Gustavo Medeiros
Marques, Osiris Ricardo Bezerra
Issue Date: 2019
Citation: CAMARA, Isabela Lima Pinheiro da. Análise econométrica dos determinantes econômicos da demanda turística internacional para o Estado do Rio de Janeiro. 2019. 133 f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Turismo) - Programa de Pós-Graduação em Turismo, Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2019.
Abstract: O tema mais pesquisadona área de economia do turismo é o estudo da demanda, tendo como foco principal, geralmente, a análise dos seusfatores determinantes procurando definir a relação de causalidade entre uma variável dependente que representa a demanda e algumas variáveis independentes. Utilizando modelos econométricos e estatísticos, a literatura tem procurado mensurar a intensidade das relações de causalidade entre a variável dependente e as variáveis independentes. Nesta perspectiva, este estudo teve como objetivo analisar os principais fatores econômicos determinantes da demanda turística internacional para o Estado do Rio de Janeiro utilizando um modelo de Regressão Linear Múltipla (RLM). Como variável dependente, utilizou-se a variação do número de chegadas internacionais para o Estado do Rio de Janeirode sete países: Argentina, Alemanha, Chile, Estados Unidos, Portugal, Reino Unido e Uruguai. Como variáveis independentes foram utilizados determinantes econômicos na forma de variação e com defasagem de tempo: PIBe Taxa de Câmbio Real. O modelo RLM por país de origem foi computado por meio do método de econometria do modelo do geral para o específico com retirada das variáveis com menor poder explicativo. O melhor resultado encontrado foi para a demanda turística da Argentina no modelo de uma variável (TCR) com significância satisfatória dos testes estatísticos. Os resultados do modelo da demanda turística da Europa e dos Estados Unidos para o Rio de Janeiro foram pouco significativos, ou seja, os determinantes econômicos utilizados no modelo não são relevantes para explicar a demanda turística proveniente desses países selecionados. A partir dos resultados encontrados, o trabalho conclui que outros fatores, não econômicos, podem ter maior influencia na determinação da demanda turística internacional para o Estado do Rio de Janeiro. Cabe ressaltar que os resultados encontrados não corroboram com os resultados apresentados na literatura internacional sobre a demanda turística. Conclui-se que entre os fatores que podem explicar essa diferença: a peculiaridade do destino em relação aos demais destinos pesquisados na literatura, a existência de determinantes não econômicos, não contemplados no modelo, além da limitação dos dados do fluxo de turistas disponíveis e utilizados neste trabalho.
metadata.dc.description.abstractother: The most researched theme in the area of tourism economics is the study of demand, having as its main focus, generally, the analysis of its determining factors seeking to define the causal relationship between a dependent variable that represents demand and some independent variables. Using econometric and statistical models, the literature has sought to measure the intensity of causal relationships between a dependent and the independent variables. In this perspective, this study aimed to analyze the main economic determinants factors of international tourist demand for the State of Rio de Janeiro using a Multiple Linear Regression (MLR) model. The dependent variable was the variation in the number of international arrivals to the State of Rio de Janeiro from seven countries: Argentina, Germany, Chile, United States, Portugal, United Kingdom and Uruguay. As independent variables were used economic determinants in the form of variation and with time lag: GDP and Real Exchange Rate. The MLR model by country of origin was computed using the general-to-specific model econometrics method with the removal of the variables with the lowest explanatory power. The best result found was Argentina's tourism demand in the one-variable model (Real Exchange Rate) with satisfactory significance of the statistical tests. The results of the European and United States tourist demand model for Rio de Janeiro were of little significance, in other words, the economic determinants used in the model are not relevant to explain the tourist demand from these selected countries.From the results found, the dissertation concludes that other factors, not economic, may have greater influence in determining the international tourist demand for the State of Rio de Janeiro.It is noteworthy that the results found do not corroborate the results presented in the international literature on tourist demand. It is concluded that among the factors that may explain this difference: the peculiarity of the destination in relation to the other destinations researched in the literature, the existence of non-economic determinants, not contemplated in the model, besides the limitation of the available and used tourist flow data.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/12427
Appears in Collections:MAT - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_Isabela_Camara.pdf2.2 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.