Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/12738
Title: O reflexo das condições socioeconômicas sobre a criminalidade em Campos dos Goytacazes no período de 2003 a 2017
Authors: Soares, Fabiano Falcão
metadata.dc.contributor.advisor: Tostes, Felipe Santos
metadata.dc.contributor.members: Tostes, Felipe Santos
Silva, Breno Augusto da Silva e
Silva, Roberto Cezar Rosendo Saraiva da
Issue Date: 2018
Publisher: Universidade Federal Flumiense
Citation: SOARES, Fabiano Falcão. O reflexo das condições econômicas sobre a criminalidade em Campos dos Goytacazes no período de 2003 a 2017. 2018. 57 f. Trabalho final de curso (Bacharelado em Ciências Econômicas) - Universidade Federal Fluminense, Instituto de Ciências da Sociedade e Desenvolvimento Regional, Campos dos Goytacazes, 2018.
Abstract: Esta monografia analisa as condições socioeconômicas do município de Campos dos Goytacazes, sob a ótica do crescimento da economia campista, como uma das causas do crescente aumento da criminalidade no período de 2003 a 2017. Considerando que a criminalidade é um dos principais problemas que a sociedade brasileira enfrenta, ao lado do desemprego, é importante que ela seja relacionada ao problema da desigualdade de renda e ao baixo nível de escolaridade presentes na sociedade campista que, em tese, viveu uma fase de crescimento econômico. Esse trabalho levanta a hipótese de que há em Campos dos Goytacazes, assim como no Brasil, uma combinação dos fatores baixa escolaridade e concentração de renda, o que leva a elevados índices de criminalidade. Dessa forma, este trabalho tem por objetivo comparar as evidências empíricas entre as variáveis socioeconômicas e de violência contra a vida e contra o patrimônio em Campos. A abordagem metodológica adotada nesta análise tem por base uma revisão teórica da literatura relativa à criminalidade, a desigualdade brasileira, à distribuição de renda e ao crescimento econômico. Os dados estatísticos utilizados são oriundos das seguintes fontes: Instituto de Segurança Pública (ISP), Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e SEBRAE. Os resultados evocam que, o perfil típico das vítimas fatais são homens, jovens e com baixa escolaridade. Segundo a literatura, a criminalidade deve ser estudada na sociologia, na psicologia, na economia e no direito, pois tratar a criminalidade de forma única é impossível. A conclusão mostra que o baixo nível de instrução de uma população somado pela elevada desigualdade socioeconômica e de renda são fatores relevantes para o problema sistêmico da criminalidade.
metadata.dc.description.abstractother: This monograph analyzes the socioeconomic conditions of the municipality of Campos dos Goytacazes, under the perspective of the growth of the camper economy, as one of the causes of the increasing increase of crime between 2003 and 2017. Considering that crime is one of the main problems that society Brazil faces, along with unemployment, it is important that it is related to the problem of income inequality and the low level of schooling present in the camper society that, in theory, experienced a phase of economic growth. This work raises the hypothesis that there are in Campos dos Goytacazes, as well as in Brazil, a combination of low schooling factors and income concentration, which leads to high crime rates. Thus, this paper aims to compare the empirical evidence between socioeconomic variables and violence against life and assets in Campos. The methodological approach adopted in this analysis is based on a theoretical review of the literature on crime, Brazilian inequality, income distribution and economic growth. The statistical data used come from the following sources: Institute of Public Security (ISP), Brazilian Institute of Geography and Statistics (IBGE) and SEBRAE. The results suggest that the typical profile of fatal victims are men, young and with low schooling. According to the literature, crime must be studied in sociology, psychology, economics and law, because dealing with crime in a unique way is impossible. The conclusion shows that the low level of education of a population added by high socioeconomic and income inequality are relevant factors for the systemic problem of crime.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/12738
Appears in Collections:GCE - Trabalhos de Conclusão de Curso - Campos dos Goytacazes

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Fabiano Falcão Soares (2018), O reflexo das condições socioeconômicas sobre a criminalidade (1).pdfFabiano Falcão Soares (2018), O reflexo das condições socioeconômicas sobre a criminalidade830.26 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.