Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/13105
Title: Punição, Violência e Afetividade na relação Professor-Aluno: algumas reflexões teóricas
Authors: Sader, Luciana Rocha
metadata.dc.contributor.advisor: Andrade, Francisca Marli Rodrigues de
Issue Date: 2019
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Abstract: O que esperamos da escola é que seja um espaço acolhedor e de liberdade para as múltiplas possibilidades dos alunos e do professor. Dentre os muitos problemas existentes na escola o presente trabalho buscou compreender a influência da punição bem como o papel da afetividade na relação professor-aluno. A partir da experiência de estágio no curso de Pedagogia, surgiu uma inquietação em relação ao comportamento dos alunos principalmente o aumento da indisciplina e tendência ao comportamento violento nas primeiras séries do Ensino Fundamental. O trabalho compartilha com as teorias que entendem o aluno como um ser complexo onde as emoções tem papel fundamental na aprendizagem, não sendo, como tradicionalmente se concebeu um sujeito apenas cognitivo. Compreende, ainda, a criança como um sujeito de direitos e, ao levantar o debate sobre a afetividade na relação professor-aluno, pretende-se contribuir com novas formas de educar, formas que respeitem o aluno como um ser complexo, autônomo e capaz.
metadata.dc.description.abstractother: What we expect of the school is that it be a welcoming space and freedom for the multiple possibilities of the students and the teacher. Among the many problems in the school, the present work sought to understand the influence of punishment as well as the role of affectivity in the teacher-student relationship. From the experience of internship in the course of Pedagogy, there arose a concern regarding the behavior of the students mainly the increase of indiscipline and tendency to violent behavior in the first grades of Elementary School. The work shares with the theories that understand the student as a complex being where the emotions play a fundamental role in learning, not being, as traditionally conceived, a cognitive only subject. It also understands the child as a subject of rights, and in raising the debate about affectivity in the teacher-student relationship, aims to contribute with new ways of educating, ways that respect the student as a complex, autonomous and capable being.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/13105
Appears in Collections:PCP - Trabalhos de Conclusão de Curso - Santo Antônio de Pádua

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC. LUCIANA5 (1).pdf742.44 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons