Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/13184
Title: Rádio AM e RADCOM em São Luís: convergências e divergências entre a educadora e a Bacanga
Authors: Costa Filho, José Arnold da Serra
metadata.dc.contributor.advisor: Resende, Fernando Antônio
metadata.dc.contributor.members: Sá, Simone Pereira de
Ferreira Júnior, José Ribamar
Issue Date: 2011
Abstract: Este trabalho se propõe a demonstrar os diversos tipos de programação desenvolvidos pelo rádio AM e pela radiodifusão comunitária. Os dois modelos foram criados para dar suporte ao que o mundo esperava do rádio, no tempo em que foram concebidos e projetados tecnicamente, o rádio AM no início do século passado e o radcom a partir da década de 1960. Teoricamente, apresentariam mensagens diferentes. Na prática, no Brasil, considerando o Estado e o Município onde estejam instalados, as diferenças limitam-se à tecnicidade das irradiações, ao alcance e à forma como os dois tipos de veículos se mantêm. Dois objetos de estudo foram escolhidos como parâmetro: a Rádio AM Educadora e a Rádio comunitária Bacanga FM. O estudo apresenta as programações artísticas e culturais desenvolvidas pelas duas emissoras e a forma como os modelos podem interagir. Mostraremos as dificuldades para a criação de uma rádio comunitária, o que conflita com o próprio objetivo de criação dessas rádios, que seria torná-las acessíveis às comunidades, como forma de democratizar o acesso ao meio. Abordamos ainda a forma como o Estado analisa o radcom, liberado inicialmente com a chamada morte anunciada, em razão do prazo de dez anos, previsto na concessão. Há também interesses recíprocos entre os modelos que demonstram como os dois se complementam. Entrevistas com os comunicadores especificam a sua área de atuação e o feedback que estabelecem com o ouvinte. No jornalismo investigativo, dois tipos de reportagens foram escolhidos, uma para cada veículo, que poderão levar o leitor a fazer suas observações sobre as semelhanças e diferenças no trato dos assuntos.
metadata.dc.description.abstractother: This paper intends to demonstrate the various kinds of programs developed by the AM radio and by the communal broadcasting. Both models were created to support what the world expected from the radio at the time they were conceived and technically projected: the AM radio in the beginning of the last century and the communal radios (radcom) since the 60s. In theory, they would present different messages. Practically, in Brazil, considering the State and the Borough where they are installed, the differences are limited to the radiation, the range and the and the way both means get support. Two objects of study have been chosen as a parameter: Educadora AM Radio and Bacanga FM Radio. The study presents the artistical and cultural programming developed by the two radio stations and how they can interact. It will be shown the difficulties on the creation of a communal radio station, what conflicts with their own objective that would be the accessibility to the communities as a way of democratization. It also interprets the way the State analyzes the radcom, originally liberated to be over in ten years, previewed in the concession. There are also mutual interests between the models that demonstrate how both complete themselves. An interview with the communicators specifies their performing area and the feedback with their listeners. In the investigative journalism two kinds of reportages have been chosen to each vehicle, which can have the readers make their own observations about the similarities and the differences they treat the subjects.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/13184
Appears in Collections:PPGCOM - Dissertações - Niterói

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_95_Radio AM e RADCOM - PPGCOM.pdf2.96 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons