Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/13533
Title: Modelagem da chance de diabetes em mulheres brasileiras: uma avaliação do efeito do plano amostral
Authors: Souza, Michelle Jeronimo de
metadata.dc.contributor.advisor: Moraes, José Rodrigo de
metadata.dc.contributor.members: Moraes, José Rodrigo de
Carvalho, Marcia Marques de
Fernandez, Cecília de Souza
Issue Date: 2019
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: SOUZA, Michelle Jeronimo de. Modelagem da chance de diabetes em mulheres brasileiras: uma avaliação do efeito do plano amostral. 2019. 50f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação de Estatística) - Instituto de Matemática e Estatística, Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2019.
Abstract: A Pesquisa Nacional de Saúde (PNS) é uma pesquisa de abrangência nacional realizada pelo IBGE que utilizou um plano amostral complexo, considerando estratificação de setores censitários, conglomeração e pesos amostrais diferentes para as unidades da amostra. As informações sobre o plano amostral nem sempre são consideradas na modelagem estatística pelos pesquisadores, podendo influenciar as estimativas pontuais dos parâmetros (e medidas de associação) de modelos estatísticos e as suas medidas de precisão. Utilizando os dados da PNS 2013, o presente estudo tem como objetivo avaliar o efeito (impacto) do plano amostral no ajuste de um modelo logístico binário, adotado no presente estudo para avaliar a associação entre as variáveis sociodemográficas e de saúde e o desfecho de diabetes em mulheres adultas de 18 anos ou mais, no Brasil. De modo geral, houve alterações nos erros padrão dos efeitos da maioria das variáveis explicativas quando algum aspecto do plano amostral da PNS não foi considerado no ajuste do modelo logístico. Além da consideração da estratificação e conglomeração na modelagem estatística, destaca-se a necessidade de se considerar os pesos amostrais, caso contrário haverá também modificações nas razões de chance da mulher reportar diabetes, além de alterações dos erros padrão. Recomenda-se assim a inclusão de todos os aspectos do plano amostral no ajuste de modelos, com base em pesquisas amostrais complexas, tais como a PNS, para obter conclusões adequadas a respeito das associações entre as variáveis.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/13533
Appears in Collections:GGV - Trabalhos de Conclusão de Curso - Niterói

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tcc_20191_MichelleJeronimoDeSouza_21054037.pdf1.17 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons