Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/13713
Title: Reinos do Sul: identidade, representação e consumo a partir de "Elena de Avalor"
Authors: Bezerra, Luiza da Silva
metadata.dc.contributor.advisor: Bragaglia, Ana Paula
metadata.dc.contributor.members: Silva, Denise Tavares da
Mattos, Amana Rocha
Issue Date: 11-May-2020
Abstract: Esta dissertação possui como objetivo principal investigar como a indústria cultural, na qual as produções da The Walt Disney Company se inserem, impacta na representação de uma identidade gendrada da mulher latino-americana nos produtos audiovisuais infantis da empresa. Para tanto, focamos nossa análise na animação “Elena de Avalor” (GERBER, 2016), série voltada para crianças que possui como protagonista a primeira princesa latino-americana lançada pela empresa. Além do objetivo central da pesquisa, possuímos como objetivos específicos à compreensão das práticas mercadológicas e sociais do mercado globalizado de animações infantis, a exploração do processo de criação de narrativas animadas e a investigação dos possíveis impactos de protagonistas femininas em audiovisuais para crianças. Como aparato teórico, utilizamos, principalmente, as reflexões de Eco (1994) sobre os atos de criar e desfrutar de uma obra de ficção; as ponderações acerca das mudanças históricas e teóricas dos processos de identidade contemporâneos a partir da obra de Hall (2016); as ideias sobre identidade gendrada de Butler (2018) e Lauretis (1994); as indagações sobre o papel da vida cotidiana nos processos de identificação a partir, principalmente, das obras de Heller (2018 [1970]) e Kosik (2002 [1963]). Além disso, foi feita uma discussão sobre a influência da mídia nas identidades de acordo com Kellner (2001) e outros autores. Por fim, discutimos as relações entre violência colonial e a mídia na construção de uma identidade latino-americana de acordo com a obra de Ribeiro (2017), Monzo (2015) e Carneiro (2011). Utilizamos a “análise de conteúdo” descrita por Bardin (2016) como aparato metodológico para investigarmos nosso corpus de cinco episódios da primeira temporada da série. Os dados levantados indicam que a nossa hipótese inicial, de que usualmente ocorre um processo de homogeneização das culturas não europeias representadas sob o crivo da Disney, foi confirmada.
metadata.dc.description.abstractother: This dissertation has as its main goal to investigate how the cultural industry, on which The Walt Disney Company’s productions belong, generate impacts on the representation of gendered identities of Latin American women on children’s animations. To do so, we focused our analysis on the animation “Elena of Avalor” (Gerber, 2016), children focused series that has the first Latin-American princess of the company as its main protagonist. Beyond that goal, we have as specifics objectives the comprehension of market and social practices of the global market of children animations, the exploration of the creative process necessary to develop an animated narrative and the investigation of the possible impacts of female protagonists in contents aimed for children. As theoretical apparatus, we used, mainly, Eco (1994)’s reflections about the acts of creating and enjoying a fictional work; Hall (2016)’s ponderations regarding the historical and theoretical changes regarding contemporary identities; Butler (2018)’s and Lauretis (1994)’ideas about gendered identities; Heller (2018 [1970])’s and Kosik (2002 [1963])’s questions about the place of daily life on the identification processes. Furthermore, it was made a discussion regarding media’s influence on identity as it was exposed on the works of Kellner (2001) and others. At last, we argued about the relationships between colonial violence and media on the construction of the Latin American identify using the works of Ribeiro (2017), Monzo (2015) and Carneiro (2011). We utilized the “content analysis” methodology to investigate our corpus of five episodes of the series’ first season. The collected data agrees with our initial hypothesis that states that usually happens a homogenization process of non-European cultures under Disney’s adaptations.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/13713
Appears in Collections:PPGMC - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação_DEFINITIVA_AnaBezerra.pdf2.44 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons