Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/13789
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorFerreras, Maria Verónica Secreto-
dc.contributor.authorAcruche, Hevelly Ferreira-
dc.date.accessioned2020-05-18T14:18:58Z-
dc.date.available2020-05-18T14:18:58Z-
dc.date.issued2017-
dc.identifier.urihttps://app.uff.br/riuff/handle/1/13789-
dc.description.abstractEsta tese de doutorado tem por objetivos trabalhar a fronteira do extremo sul da América a partir das interações entre as pessoas que nela viviam e transitavam dentre os anos de 1750 a 1830. Nestes anos, assistimos a um contexto conturbado de conflitos que culminaram em flutuações na formalização de uma fronteira entre os Estados português e espanhol. Estipulada por meio de tratados diplomáticos, este espaço poroso e fluido foi alvo de uma série de questões envolvendo o comércio, a relação entre os súditos e seus respectivos governos, assim como a circulação de pessoas e informações num espaço que se procurava controlar. O contexto analisado engloba uma série de transformações de uma ordem colonial para um ordenamento republicano, nas terras hispano-criollas, e imperial, no Brasil. Pretendemos trabalhar com as ações das pessoas numa fronteira beligerante, bem como os manejos políticos dos espaços para se atender a determinados interesses; mostrando a construção de uma série de territorialidades que indefiniam a região da fronteira. Destacamos assim a presença de negros e indígenas nesse espaço poroso e permeado de significados a fim de explorar melhor suas relações com os governos e as territorialidades. Portanto, o teor principal deste trabalho se destina a mostrar uma disputa por lealdade dos súditos e cidadãos para com os Estados, onde a presença de indígenas, negros, espanhóis, portugueses e seus descendentes trouxeram uma diversidade de compreensões da experiência de viver em fronteira.pt_BR
dc.description.provenanceSubmitted by Biblioteca Central do Gragoatá Digital (digital.bcg.sdc@id.uff.br) on 2020-05-18T14:18:58Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) Tese-hevelly-ferreira-acruche.pdf: 3117116 bytes, checksum: a8e31e683bfad059d46cd3d012a72eef (MD5)en
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2020-05-18T14:18:58Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) Tese-hevelly-ferreira-acruche.pdf: 3117116 bytes, checksum: a8e31e683bfad059d46cd3d012a72eef (MD5) Previous issue date: 2017en
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsOpen Accesspt_BR
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/*
dc.titlePortugal e Espanha no extremo Sul das Américas: Fronteiras, gentes, direitos soberanias (1750-1830)pt_BR
dc.typeAnais de Eventopt_BR
dc.contributor.membersGomes, Flávio dos Santos-
dc.contributor.membersGuzmán, Florencia-
dc.contributor.membersMoreira, Vânia Maria Losada-
dc.contributor.membersFerreras, Maria Verónica Secreto-
dc.degree.leveldoutoradopt_BR
dc.subject.descriptorÍndiopt_BR
dc.subject.descriptorEscravidãopt_BR
dc.subject.descriptorHistória do Brasil -- 1822-pt_BR
dc.subject.descriptorDireitopt_BR
dc.subject.descriptorRio de la Plata (Argentina e Uruguai)pt_BR
dc.subject.descriptorPortugalpt_BR
dc.subject.descriptorEspanhapt_BR
dc.identifier.vinculationAluno de Doutoradopt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal Fluminensept_BR
dc.degree.departmentInstituto de Ciências Humanas e Filosofiapt_BR
dc.degree.programPrograma de Pós-Graduação em Históriapt_BR
dc.degree.date2017-
dc.degree.localNiterói, RJpt_BR
dc.publisher.departmentNiteróipt_BR
dc.description.physical451fpt_BR
Appears in Collections:PPGH - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese-hevelly-ferreira-acruche.pdf3.04 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons