Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/13913
Title: Da água se fez vinho; da cerveja se fez revolução: bebida alcoólica e cultura popular no México revolucionário
Authors: Thomaz, Bruno Cesar Rodrigues
metadata.dc.contributor.advisor: Ferreras, Norberto Osvaldo
metadata.dc.contributor.members: Alimonda, Hector Alberto
Ferreras, Maria Verónica Secreto
Ribeiro, Vanderlei Vazelesk
Issue Date: 2016
Abstract: O seguinte trabalho versa sobre as condições de consumo e produção de bebidas alcoólicas no México, durante o período revolucionário. Considerando as Especificidades da revolução no território sob jurisdição da Divisão do Norte do Exército Constitucionalista, analisaremos os hábitos de consumo populares das bebidas embriagantes no México. Como essa cultura de consumo foi forjada e de que maneira isso afeta no aspecto militar da revolução mexicana.Tratamos da dimensão política do tratamento quanto ao consumo alcoólico, desde sua dimensão transnacional, para o período, como problemática social, até os efeitos mais práticos de ordem militar e/ou mortal. E, como por outro lado, existe um mercado em expansão no setor etílico que pode ser aproveitado desde uma análise pragmática da Revolução.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/13913
Appears in Collections:PPGH - Dissertações - Niterói

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert-bruno-cesar-rodrigues-thomaz.pdf1.48 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons