Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/14643
Title: A construção do consenso privatista: o Instituto Brasileiro de Siderurgia (IBS) e os seus agentes (1976-1990)
Authors: Moreira, João Paulo de Oliveira
metadata.dc.contributor.advisor: Piñeiro, Théo Lobarinhas
metadata.dc.contributor.members: Corrêa, Maria Letícia
Kocher, Bernardo
Issue Date: 2014
Abstract: As formas organizativas da fração siderúrgica do capital no Brasil, entre os anos de 1976-1990, constituem o principal objeto de estudo desta dissertação. Nela, são discutidas a conformação histórica do setor siderúrgico, o desenvolvimento do capitalismo no Brasil pós Segunda Guerra Mundial e as atuações do empresariado nos congressos do Instituto Brasileiro de Siderurgia (IBS), principal Aparelho Privado de Hegemonia do setor. A partir do II PND, esta fração do capital iniciou uma ―fuga para frente‖ com o intuito de aplicar um projeto privatista para a siderurgia, o que nos levou a trabalhar com a hipótese central de que partiu do IBS, de maneira precoce, a estruturação de um programa de privatizações que veio a se tornar hegemônico na década de 1990. Portanto, aqui, norteados pelo referencial teórico gramsciano objetivamos apresentar a capacidade organizativa de uma importante fração do capital em introjetar seus interesses na sociedade política, sendo as privatizações a expressão maior destas demandas.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/14643
Appears in Collections:PPGH - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert-joao-paulo-de-oliveira-moreira.pdf1.61 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons