Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/14680
Title: Os esmoleiros do rei: a Bula da Santa Cruzada e seus oficiais na capitania de Minas Gerais (1748-1828)
Authors: Figueiredo, Cecília Maria Fontes
metadata.dc.contributor.advisor: Santos, Georgina Silva do
metadata.dc.contributor.members: Hermann, Jacqueline
Carrara, Ângelo Alves
Franco, Renato
Furtado, Júnia Ferreira
Issue Date: 2014
Abstract: O trabalho tem por objeto o estudo da ação dos esmoleiros da Bula da Santa Cruzada, no período de 1748 a 1828, na região das Minas. Buscou-se entender o significado da arrecadação da esmola para Portugal cujo objetivo era combater os infiéis no norte da África e defender a fé cristã, além da manutenção das praças mercantis. A tese aborda os significados da arrecadação das esmolas, a importância para Portugal da defesa da cristandade e as representações simbólicas da doação, além de tratar da desconfiança dos doadores na Colônia. Procurou-se ainda caracterizar as modalidades de esmoleiros mores e menores e a especificidade dos tesoureiros da Bula como agentes a serviço do Estado e os privilégios detidos em razão do exercício da função e o lugar de distinção na sociedade da época. O trabalho ainda aborda a importância da Bula através das festas e rituais que tinham lugar na Colônia à época de sua publicação anual, onde compareciam autoridades civis e eclesiásticas, ato que legitimava os benefícios da Bula e conferia aos seus oficiais, reconhecimento, posição e autoridade. E mostra como a representação simbólica do infiel atualizava-se nas cavalhadas, onde a luta entre mouros e cristãos era ritualizada, momento de atualização do mito constitutivo da história política portuguesa.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/14680
Appears in Collections:PPGH - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese-cecilia-maria-fontes-figueiredo.pdf1.78 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons