Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/14720
Title: O(s) lugar(es) da função classificação na formação do arquivista: uma análise da história, dos currículos e dos programas de ensino dos cursos de graduação em arquivologia do sudeste do Brasil
Authors: Pazos, Juliana de Mesquita
metadata.dc.contributor.advisor: Schmidt, Clarissa Moreira dos Santos
metadata.dc.contributor.members: Tognoli, Natália Bolfarini
Marques, Angélica Alves da Cunha
Mariz, Anna Carla Almeida
Mattos, Renato de
Rocanglio, Cynthia
Issue Date: 2019
Citation: Pazos, Juliana de Mesquita. O(s) lugar(es) da função classificação na formação do arquivista: uma análise da história, dos currículos e dos programas de ensino dos cursos de graduação em Arquivologia do sudeste do Brasil / Juliana de Mesquita Pazos. – 2019.
Abstract: A presente pesquisa tem como objetivo geral analisar como a função classificação é abordada nos currículos e nos programas de ensino das disciplinas ministradas nos cursos de graduação em Arquivologia das universidades localizadas no sudeste do Brasil, de modo a identificar o(s) lugar(es) da função classificação na formação acadêmica do arquivista. Para tanto, apresenta os aspectos históricos, teóricos, metodológicos, terminológicos, técnicos e instrumentais que norteiam a função classificação a partir de uma revisão da literatura especializada. Em seguida, traça um panorama sobre o processo de institucionalização da Arquivologia no Brasil e da sua consolidação no espaço universitário do sudeste do país. Nesse sentido, realiza uma pesquisa histórica a respeito das estruturas institucionais, curriculares, disciplinares e programáticas dos cursos de graduação em Arquivologia abrigados nas instituições universitárias que compõem o campo empírico da pesquisa, a saber: Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO); Universidade Federal Fluminense (UFF); Universidade Federal do Espírito Santo (UFES); Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (UNESP); e Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). A metodologia científica aplicada se baseia no método crítico-reflexivo, possui abordagem qualitativa, exploratória e descritiva, e utiliza fontes bibliográficas e documentais. Os resultados demonstram que: (I) o ensino arquivístico em classificação, entre fins da década de 1970 até a década de 1990, esteve focado na metodologia de arranjo e na sua relação com a descrição para organizar arquivos permanentes; (II) as atividades de classificação foram sendo abordadas sob a perspectiva da gestão de documentos e de uma abordagem integrada das fases de vida dos arquivos, a partir da década de 1990, provavelmente por influência da aprovação da chamada “Lei de Arquivos”; e (III) a função classificação, a partir da década de 2000, começa a constituir disciplinas obrigatórias dedicadas ao seu aprofundamento teórico-metodológico, em maior ou menor grau, nos currículos dos cursos de Arquivologia da UNIRIO, UFF, UFES e UNESP, com exceção da UFMG.
metadata.dc.description.abstractother: The present research has as general objective to analyze how the classification function is approached in the curricula and in the teaching programs of the disciplines taught in the undergraduate courses in Archival Science of the universities located in the southeastern Brazil, in order to identify the place(s) of the function classification in the archivist’s academic background. Therefore, it presents the historical, theoretical, methodological, terminological, technical and instrumental aspects that guide the classification function from a review of the specialized literature. Then, it gives an overview of the process of institutionalization of Archival Science in Brazil and its consolidation in the university space of the southeast of the country. In this sense, it conducts a historical research about the institutional, curricular, disciplinary and programmatic structures of the undergraduate courses in Archival Science housed in the university institutions that compose the empirical field of the research, namely: Federal University of the State of Rio de Janeiro (UNIRIO); Fluminense Federal University (UFF); Espírito Santo Federal University (UFES); São Paulo State University “Júlio de Mesquita Filho” (UNESP); and Minas Gerais Federal University (UFMG). The applied scientific methodology is based on the critical-reflexive method, has a qualitative, exploratory and descriptive approach, and uses bibliographic and documentary sources. The results demonstrate that: (I) the teaching of the classification function, between the late 1970s and the 1990s, was focused on the arrangement methodology and its relation to t0he description for organizing permanent archives; (II) classification activities have been approached from the perspective of record management and an integrated approach to the archive’s life stages since the 1990s, probably influenced by the approval of the so-called “Law of Archives”; and (III) the classification function, since the 2000s, begins to constitute compulsory subjects dedicated to its theoretical and methodological deepening, to a greater or lesser extent, in the curricula of the archives of UNIRIO, UFF, UFES and UNESP, with exception of UFMG.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/14720
Appears in Collections:PPGCI - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Cópia de Dissertação - Juliana de Mesquita Pazos.pdf2.92 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.