Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/1577
Title: As políticas públicas no processo de formação e gestão do Circuíto das Águas Paulista
Authors: Souza, Natasha Ribeiro Bantim de
metadata.dc.contributor.advisor: Fratucci, Aguinaldo Cesar
metadata.dc.contributor.members: Ferreira, Helena Catão Henriques
Medeiros, Renato Gonzalez de
Issue Date: 2010
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Abstract: O presente trabalho investiga o processo de formação e a gestão atual de circuitos turísticos, usando como exemplo o Circuito das Águas Paulista, localizado no interior do estado de São Paulo, formado pelos municípios de Águas de Lindóia, Amparo, Jaguariúna, Lindóia, Monte Alegre do Sul, Pedreira, Serra Negra e Socorro. Parte-se do pressuposto de que esse processo de formação e gestão foi influenciado pelas políticas públicas nacionais que, desde o início da década de 1990 vêm incentivando a descentralização da gestão turística. Para tanto, realiza-se um breve histórico das políticas públicas brasileiras de turismo, relacionando-as com o contexto mundial e enfatiza-se os dois últimos Planos Nacionais de Turismo, datados de 2003 e 2007 que propõem a gestão descentralizada do turismo a nível regional por meio do Programa de Regionalização do Turismo. A seguir, discorre-se sobre alguns produtos turísticos regionalizados, questionando o emprego de suas nomenclaturas, e sobre a adoção de instâncias de governança, como forma pela qual o espaço turístico regional pode ser administrado. Descreve-se por fim, como aconteceu o processo de formação do Circuito das Águas Paulista e como ocorre sua gestão atualmente, comprovando-se que de fato, tanto a sua formação quanto a sua gestão seguem as diretrizes propostas pelas políticas nacionais de turismo.
metadata.dc.description.abstractother: This paper investigates the formation process and the current management of tourist circuits, using as example the Circuito das Águas Paulista, located in the state of São Paulo, formed by the cities of Águas de Lindóia, Amparo, Jaguariúna, Lindóia, Monte Alegre do Sul, Pedreira, Serra Negra and Socorro. It assumes that this formation process and management was influenced by the national policies that since the beginning of the 1990s have encouraged the decentralization of tourism management. The study presents a brief history of Brazilian tourism public policies, relating them to the global context and emphasizes the last two National Plans of Tourism, dated 2003 and 2007, that suggest the decentralized management of regional tourism by the Tourism Regionalization Program. After that, it discuss about some tourism product regionally, questioning the use of their classifications, and the adoption of governance instances, the manner in which the regional tourism space can be managed. At last, it describes the way that the circuit formation process happened and how it’s managed today, proving that, indeed, the formation and management of the circuit followed the guidelines proposed by the national tourism policies.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/1577
Appears in Collections:SGT - Trabalhos de Conclusão de Curso - Niterói

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
121 - Natasha Bantim.pdf1.16 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.