Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/16190
Title: A nebulosa comunicação entre Brasil e Portugal: um estudo sobre estratégias e hierarquias internacionais
Authors: Melo, Maria Elizabeth
metadata.dc.contributor.advisor: Oliveira, Thaiane
metadata.dc.contributor.members: Albuquerque, Afonso de
Sovik, Liv
Issue Date: 2019
Abstract: A presente dissertação i nicia suas discussões com uma análise sobre identidades nacionais cujas narrativas aparecem tanto em produções científicas quanto em situações do cotidiano através de comunicações formais e informais (BAUER at al, 2013). A partir de tais narrativas é possível observar como hierarquias são construídas e mantidas em um contexto de globalização neoliberal (ALBUQUERQUE; LYCARIÃO, 2018) no qual tanto o Brasil quanto Portugal estão inseridos. Nesse contexto, é observável a i mportância que as narrativas coloniais ainda exercem na orientação de relações políticas, culturais e econômicas envolvendo ambos os países. Dentre as narrativas, as racializações recebem bastante destaque, i nvisibilizando, no entanto, privilégios das redes i nternacionais da branquitude. Igualmente ambíguo o meio acadêmico produz discursos sobre "valorização da diversidade" como é possível encontrar nos Estudos Lusófonos, no entanto, reforçando a memória colonial com o i ntuito de manter redes de cooperação i nternacional. Dessa forma, a l usofonia é enquadrada nos Estudos Lusófonos enquanto opção contra-hegemônica (BORGES; AFONSO, 2018) a favor de uma circulação científica, principalmente, mas não somente, entre Portugal e suas ex-colônias, ainda que a mesma seja capaz de reforçar as estruturas internacionais eurocentradas (QUIJANO, 2013).
metadata.dc.description.abstractother: This thesis begins through an analysis of identities in these narratives present in scientific productions and in everyday situations, in other words, formal and informal communications (BAUER et al, 2013). In this case, it is possible to observe how hierarchies are built and maintained in a context of neoliberal globalization (ALBUQUERQUE; LYCARIÃO, 2018) in which both Brazil and Portugal are inserted. In this context, colonial narratives still guiding political, cultural and economic relations involving both countries. Racialized narratives are very prominent but make some internacional privileges invisible as, for example, the networks of whiteness. Ambiguously the academic community produces discourses on "valuing diversity" as can be found in Lusophone Studies, however, reinforcing the colonial memory in order to maintain international cooperation networks. Thus, Lusophony is framed in Lusophone Studies as a counter-hegemonic option (BORGES; AFONSO, 2018) in favor of a scientific circulation, mainly, but not only, between Portugal and its former colonies, even though it is capable of strengthen Eurocentered international structures (QUIJANO, 2013).
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/16190
Appears in Collections:PPGCOM - Dissertações - Niterói

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Maria Elizabeth Pinto de Melo - dissertação.pdf1.02 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons