Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/16561
Title: Avaliação técnica, econômica e energética de uma câmara germinativa de baixo custo
Authors: Rodrigues, Fernando Abreu
metadata.dc.contributor.advisor: Teixeira, Marcos Alexandre
metadata.dc.contributor.members: Rigueira, Roberta Jimenez de Almeida
Cardoso Junior, Ricardo Abranches Felix
Issue Date: 2020
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: RODRIGUES, Fernando Abreu. Avaliação técnica, econômica e energética de uma câmara germinativa de baixo custo. 2020. 52f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal Fluminense, Escola de Engenharia, 2020.
Abstract: Esse trabalho visa a realização e comparação de testes de germinação e fisiológicos das espécies Eucalyptus grandis e Eucalyptus urograndis, utilizando uma câmara germinativa de baixo custo e avaliar a sua efetividade técnica em relação a um congênere do mercado. O trabalho foi divido em duas etapas, a primeira foi a realização do teste de germinação para 3 temperaturas (17,5°, 25° e 30°C) e 3 graus de encharcamento (1,0; 2,25; 3,0 vezes o peso do substrato). Sob as mesmas condições do teste de germinação, também foram avaliadas o índice de velocidade de germinação, velocidade de germinação e coeficiente de velocidade de germinação. Na segunda etapa do trabalho foi verificado a viabilidade econômica da câmara germinativa, com uma análise econômica e financeira, em comparação a uma câmara germinativa de mercado. Ao comparar os resultados da germinação o lote de E. grandis apresentou maior desempenho do que o lote de E. urograndis em todos os tratamentos aplicados. Na temperatura de 17,5°C, ambos os lotes apresentaram menor de desempenho, quando comparados as outras temperaturas. A análise econômica indica que a câmara germinativa de mercado possui um custo 20% menor, quando comparado com a de baixo custo. Já a análise financeira aponta a câmara germinativa de baixo custo, com custo 3% menor, não há diferença significativa em relação a seu congênere. Portanto, financeiramente não há diferença entre operar com a câmara germinativa de baixo custo ou operar com a câmara germinativa de mercado.
metadata.dc.description.abstractother: This work aims to carry out and compare germination and physiological tests of the species Eucalyptus grandis and Eucalyptus urograndis, using a low-cost germination chamber and to evaluate its technical effectiveness in relation to a industrialized counterpart. The work was divided into two stages, the first one being the germination test at three temperatures (17.5 °, 25 ° and 30 ° C) and three different humidity (1.0; 2.25; 3.0 times the substrate weight). Under the same conditions as the germination test, the germination speed index, germination speed and germination speed coefficient were also evaluated. In the second stage of the work, the economic viability of the germination chamber was verified, with an economic and financial analysis, in comparison to a business-as-usual germination chamber. When comparing the results of germination, the E. grandis lot showed higher performance than the E. urograndis lot in all applied treatments. At the temperature of 17.5 ° C, both batches showed lower performance when compared to other temperatures. The economic analysis indicates that the business-as-usual germination chamber has a 20% lower cost, when compared to the low-cost one. The financial analysis points to a 3% lower cost of the low-cost germination chamber, with no significant difference in relation to its counterpart. Therefore, financially, there is no difference between operating with the low-cost germination chamber or operating with the store bought one.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/16561
Appears in Collections:TGR - Trabalhos de Conclusão de Curso - Niterói

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC - Fernando Abreu Rodrigues.pdf1.05 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons