Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/17130
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorFernandes, Kennedy Morais
dc.date.accessioned2021-03-10T19:09:45Z-
dc.date.available2008-05-06
dc.date.available2021-03-10T19:09:45Z-
dc.date.issued2007-03-09
dc.identifier.urihttps://app.uff.br/riuff/handle/1/17130-
dc.description.abstractIncompressible miscible flow in porous media which characterizes the process of tertiary recovery in oil reservoir are numerically solved in this work. Such flows are here modeled through a coupled nonlinear partial differential equations system with proper boundary and initial conditions. The mathematical model consists of an elliptic sub-system involving both pressure and velocity fields coming mass conservation law, Darcy's law and also from a transport equation, which is predominantly convective being to the concentration the main variable in this problem. Several variational formulation have been used to solve this problem aiming the determination of an accurate velocity field. In the present work finite element method with a least square variational formulation are applied to the elliptic sub-system considering also the inclusion of the null rotational equation which allow as to obtain H1 convergence both for pressure as well for the velocity approximations. The convection-diffusion equation is also numerically solved through least squares formulation after it has been rewritten as a first order system of differential equation. This formulation besides of its mixed character allows equal order interpolation for concentration and for it derivative. Numerical results are presented and compared to the ones showed in the open literature.eng
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2021-03-10T19:09:45Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Kennedy Fernandes-dissert.pdf: 2974805 bytes, checksum: 3b78c331df07b00ef062e223fa6457d5 (MD5) Previous issue date: 2007-03-09en
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectCiência da computaçãopor
dc.subjectFormulação de mínimos quadradospor
dc.subjectEscoamentos miscíveispor
dc.subjectElementos finitospor
dc.titleFormulação de mínimos quadrados aplicada à problemas de escoamentos miscíveispor
dc.typeDissertaçãopor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::CIENCIA DA COMPUTACAO::TEORIA DA COMPUTACAO::COMPUTABILIDADE E MODELOS DE COMPUTACAOpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Computaçãopor
dc.publisher.departmentComputaçãopor
dc.contributor.advisor1Leal-toledo, Regina Célia Paula
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/5146026894831823por
dc.contributor.referee1Toledo, Elson Magalhães
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/2440193189134197por
dc.contributor.referee2Araujo, José Henrique Carneiro de
dc.contributor.referee2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4786712P8por
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/9541007270626249por
dc.description.resumoO escoamento miscível incompressível em meios porosos, caracterizando o processo de recuperação terciária em reservatórios de petróleo, é modelado matematicamente por um sistema acoplado de equações diferenciais parciais não-lineares, com condições de contorno e condições iniciais adequadas. O modelo matemático consiste de um sub-sistema elíptico envolvendo os campos de pressão e velocidade, oriundo da Lei de Conservação de Massa e Lei de Darcy, e uma equação de transporte, predominantemente convectiva para a concentração, sendo essa a variável de maior interesse. Várias formulações variacionais têm sido empregadas para resolver este problema, visando a determinação precisa da velocidade. Neste trabalho o método dos elementos finitos com a formulação variacional de mínimos quadrados é aplicada ao sub-sistema elíptico do problema. Com o acréscimo da equação do rotacional nulo obtém-se convergência na norma H1 tanto para a pressão como para a velocidade. A equação de transporte também é resolvida pela formulação de mínimos quadrados a partir de sua descrição como um sistema equivalente de equações diferenciais de primeira ordem, que apesar de ser uma formulação mista, acomoda interpolações de igual ordem para concentração e sua derivada. Resultados numéricos são apresentados e comparados com os descritos na literatura.por
Appears in Collections:TEDE com arquivos

Files in This Item:
File SizeFormat 
Kennedy Fernandes-dissert.pdf2.91 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.