Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/1733
Title: A capacitação dos enfermeiros e o processo de coleta do sangue do cordão umbilical e placentário: o caso da Maternidade Escola da UFRJ
Authors: Leite, Helder Camilo
metadata.dc.contributor.advisor: Brum, Ana Karine Ramos
metadata.dc.contributor.members: Souza, Sônia Regina de
Ferreira, Simone Cruz Machado
Issue Date: 2015
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Leite, Helder Camilo. A capacitação dos enfermeiros e o processo da coleta do sangue do cordão umbilical e placentário: o caso da Maternidade Escola da UFRJ. 2015. 144 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Enfermagem Assistencial) - Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa, Niterói, 2015
Abstract: Introdução: O sangue de cordão umbilical age como ligação entre a placenta e o feto durante a gestação e contém células-tronco que podem ser utilizadas como fonte de células-tronco hematopoéticas em transplantes. Objetivo geral: Analisar a capacitação dos enfermeiros para o processo da coleta SCUP, considerando os aspectos relevantes para a caracterização da Maternidade Escola/UFRJ como posto de coleta. Objetivos específicos: 1- Traçar a caracterização das potenciais doadoras de sangue de cordão e placentário na Maternidade Escola da UFRJ. 2- Descrever a capacitação dos enfermeiros no processo da coleta do sangue de cordão umbilical e placentário na Maternidade Escola da UFRJ. 3 - Avaliar a capacitação dos enfermeiros para o processo da coleta do sangue do cordão umbilical e placentário. 4 Elaborar um programa de educação e capacitação dos enfermeiros para o processo da coleta do sangue do cordão umbilical e placentário para a Maternidade Escola da UFRJ. Método: A primeira fase da pesquisa para atender o objetivo de traçar a caracterização das potenciais doadoras de sangue de cordão e placentário na Maternidade Escola da UFRJ utilizou a metodologia do estudo de caso, as fases seguintes se caracterizaram pela abordagem da pesquisa-ação, com dados descritivos realizada com 20 enfermeiros em uma Maternidade Escola pública do Rio de Janeiro. Para a coleta de dados utilizamos várias fontes de informações (pesquisa documental, entrevistas, observação participativa) para assegurar as diferentes perspectivas dos participantes e por outro, obter várias medidas do mesmo fenômeno. Os dados foram coletadas no período de janeiro de 2014 a novembro de 2015. Para atender a análise e tratamento quantitativos os dados foram tabulados em uma planilha do programa MS Excel® e analisados por meio de estatística descritiva. Para os objetivos qualitativos foram realizados uma análise descritiva de frequência e porcentagem para cada um dos itens dos instrumentos de coleta de dados aplicados, como também através da descrição da percepção subjetiva contidas nos questionários. A pesquisa observou os preceitos éticos contidos na resolução na resolução 466/2012. Aprovado com o número do parecer: 722.172 em 18/07/2014. Resultados: Considerando os critérios de qualificação 73,8% (n=404) aptas para a doação do SCUP, enquanto que nos critérios de desqualificação 89% (n=490) aptas. Apontaram que 62,5% (n=345) das pacientes da maternidade-escola estariam aptas para a doação do sangue do cordão umbilical e placentário, dependendo do seu consentimento. A oficina teórica teve um efeito positivo e significativo no aprendizado para os participantes da pesquisa. As oficinas práticas da CSCUP aconteceram no período de setembro a novembro de 2015, foram realizadas no centro obstétrico da ME/UFRJ, totalizando 18 oficinas e houve a participação de 20 enfermeiros participantes da pesquisa, nesse período foram coletadas 87 bolsas do SCUP. Após o término das oficinas práticas os enfermeiros participantes se sentiram aptos para realizarem a coleta SCUP. Conclusão: A Maternidade-Escola da UFRJ tem aptidão para ser posto de CSCUP com um grande diferencial: que os enfermeiros devidamente capacitados da instituição poderão realizar as coletas SCUP. Houve aprimoramento dos conhecimentos para enfermeiros em relação ao processo da coleta do sangue do cordão umbilical e placentário. A pesquisa possibilitou elaborar um programa de educação de capacitação para a coleta SCUP contribuindo para que as outras maternidades públicas com perfil de posto de coleta também possam usar este programa como modelo para capacitar os enfermeiros no processo de CSCUP. Assim as instituições poderão ser mais um posto de coleta SCUP.
metadata.dc.description.abstractother: Introduction: The umbilical cord blood acts as a connection between the placenta and the fetus during pregnancy. It contains stem cells and can be used as a source for hematopoietic stem cell transplantation. General objective: To analyze the training of nurses for the process of UCB collection, considering specific aspects of the hospital Maternidade Escola/UFRJ as a collection station. Specific objectives: 1 - To outline the profile of potential placenta and cord blood donors at UFRJ´s Maternidade Escola hospital. 2 – To define nurses’ training in the placental and umbilical cord blood collection process at UFRJ´s Maternidade Escola hospital. 3 – To assess nurses' training in the placental and umbilical cord blood collection process at UFRJ´s Maternidade Escola hospital. 4 – To elaborate a training program for nurses in the placental and umbilical cord blood collection process at UFRJ´s Maternidade Escola hospital. Method: The objective of the first phase of the research is to outline the profile of potential placenta and cord blood donors at UFRJ´s Maternidade Escola hospital using the case study methodology. The following stages resorted to the action research methodology, with descriptive data conducted with 20 nurses at the public Hospital Maternidade Escola in Rio de Janeiro. Several sources of information were used to collect data (documentary research, interviews, participant observation) in order to establish the participants' different perspectives, and also get multiple measures of the same phenomenon Data were collected in the period from January 2014 to November 2015. To present the quantitative analysis and treatment data were tabulated in a MS Excel® spreadsheet and analyzed using descriptive statistics. For qualitative objectives it was developed a descriptive analysis of frequency and percentage for each of the items of data collection instruments used. The description of the subjective perception in the questionnaires was also used. The research followed the ethical principles of the Resolution 466/2012. Accredited with the opinion number: 722.172 in 07/18/2014. Results: Considering the qualification criteria 73.8% (n = 404) were suitable for donation of UCB, while as per the disqualification criteria it was 89% (n = 490). It was indicated that 62.5% (n = 345) of the maternity hospital patients would be able to donate placenta and umbilical cord blood, depending on their consent. The theoretical workshop had a positive and significant effect on the survey participants’ learning curve. UCB practical workshops took place from September to November 2015 at the ME/ UFRJ's obstetric center. 20 nurses participating in the research attended 18 workshops, collecting a total 87 UCB bags. Nurses that attended the practical workshops felt able to perform the UCB collection. Conclusion: UFRJ's Maternidade Escola hopsital is suited to be a UCB collection point with a significant advantage: the institution’s properly trained nurses can conduct the UCB collections. Nurses’ knowledge in the placenta and umbilical cord collection process improved. The research made it possible to draw up a training education program for UCB collection contributing to other public hospitals with a collection point profile, which can also use this program as a model to train nurses in UCB collection process. Thus these institutions may become another UCB collection point.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/1733
Appears in Collections:MPEA - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Helder Camilo Leite.pdf2.28 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.