Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/21690
Title: Um novo olhar sobre as ligações químicas
Other Titles: A new look at chemical bonds
Authors: Paralovo, José Luiz
metadata.dc.contributor.advisor: Martins, Renata Luz
metadata.dc.contributor.advisorco: Alves, Andréa Aparecida Ribeiro
metadata.dc.contributor.members: Mota, Izabel de Oliveira da
Rufino, Alessandra Rodrigues
Issue Date: 2020
Citation: PARALOVO, José Luiz. Um novo olhar sobre as ligações químicas. 2020. 174 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Química em Rede Nacional)- Instituto de Ciências Exatas, Universidade Federal Fluminense, Volta Redonda, 2020.
Abstract: Este trabalho aborda um assunto de grande importância na vida acadêmica, as Ligações Químicas Interatômicas (L.Q.I.). No entanto, aqui é proposta uma nova perspectiva de trabalho que olha para as ligações químicas por outro ângulo, mudando o atual e principal enfoque, a regra do octeto, para um novo e mais amplo, que é a observância dos subníveis “p”. Para atingirem a estabilidade energética, os átomos necessitam completarem seus subníveis “p” em seus últimos níveis de energia, ou seus subníveis “s”, quando apresentarem apenas um nível de energia, ou seja, seis (06) elétrons no subnível “p” ou dois (02) elétrons no subnível “s” do último nível de energia. Este novo olhar sobre as L.Q.I. dará ao estudante um campo de visão e uma mobilidade maiores para entender e executar as L.Q.I. Dessa forma, trabalhando e retendo conceitos mais fidedignos, o estudante obterá bases mais sólidas para continuar construindo o conhecimento sobre as ligações químicas com os novos conceitos que futuramente virão a ser estudados e complementados em quaisquer que sejam os caminhos profissionais escolhidos. Neste trabalho também se discute um novo olhar acerca da ligação coordenada, tratando seu mecanismo de uma forma simples e, vale ressaltar, de cunho puramente didático. Os caminhos de execução e as representações finais das ligações coordenadas são contribuições provenientes de muitos anos de pesquisa em sala de aula e, assim, um caminho encontrado para melhor explicitar tal ligação e facilitar sua identificação. Entretanto, essas representações não fogem dos conceitos mais modernos, de que a ligação coordenada é uma ligação covalente normal que ocorre de forma diferenciada e que, portanto, exige um maior detalhamento em suas estruturas e em seus mecanismos. Esta abordagem almeja enfatizar ao estudante que, embora seja uma ligação covalente normal, a ligação coordenada apresenta suas singularidades. Adicionalmente, este trabalho apresenta uma sugestão para a abordagem das L.Q.I. em sala de aula, utilizando-se de materiais reciclados, tornando a explanação em algo concreto e também lúdico.
metadata.dc.description.abstractother: This work addresses a subject of great importance in academic life, Interatomic Chemical Bonds (I.C.B.). However, it proposes a new work perspective that looks at chemical bonds from a different angle, shifting the current and main focus, the octet rule, to a new and broader one, which is the observance of the “p” sublevels. To achieve energetic stability, the atoms need to complete their "p" sublevels at their last energy levels, or their "s" sublevels when they have only one energy level, i.e. six (06) electrons at the "p" sublevel or two (02) electrons at the "s" sublevel of the last energy level. This new look at I.C.B. will give the student a greater vision range and mobility to understand and perform I.C.B.. By working and retaining more realistic concepts, the student will gain a solid foundation for continuing to build knowledge about chemical bonds with new concepts that will be studied and complemented in the future in any chosen professional path. This work also discusses a new look at coordinated bonds, considering its mechanism in a simple manner and, it should be emphasized, purely didactic nature. The execution paths and final representations of coordinated bonds are contributions that arise from many years of in-classroom research and thus represent a way to better explain such bonds and facilitate their identification. Nevertheless, these representations do not ignore the most modern concepts, i.e. that the coordinate bond is a normal covalent bond that happens differently and therefore requires greater detail in its structures and mechanisms. This approach aims to emphasize to the student that, although it is a normal covalent bond, the coordinate bond has some singularities. Additionally, this work presents a suggestion for the approach of I.C.B. in the classroom, using recycled materials and making the explanation concrete and playful.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/21690
Appears in Collections:PROFQUI - Dissertações - Volta Redonda

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
T2018-Jose Luiz Paralovo-Dissertacao completa.pdfDissertação5.65 MBAdobe PDFView/Open
T2018-Jose Luiz Paralovo-Dissertacao Produto.pdfProduto educacional857.83 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons