Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/220
Title: Cecília Meireles e a educação da infância pelo folclore (1930-1964)
Authors: Vieira, Ana Paula Leite
metadata.dc.contributor.advisor: Abreu, Martha Campos
Issue Date: 2013
Citation: VIEIRA, Ana Paula Leite. Cecília Meireles e a educação da infância pelo folclore (1930-1964). 2013. 192 f. Dissertação (Mestrado em História) – Departamento de História, Universidade Federal Fluminense Niterói, 2013. Disponível em: <http://www.historia.uff.br/stricto/td/1708.pdf>.
Abstract: O objetivo desta pesquisa é analisar as contribuições de Cecília Benevides de Carvalho Meireles (1901-1964) para os temas da educação e do folclore brasileiros, mais precisamente na relação estabelecida por ela entre estas duas esferas. Cecília Meireles possui uma trajetória de atuação social riquíssima, figurando como poetisa, educadora, folclorista, cronista na grande imprensa, crítica literária e até mesmo tradutora de livros estrangeiros. Envolveu-se com o movimento de renovação educacional dos anos 1920 e 1930, sendo uma das signatárias do Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova (1932). Nos três primeiros anos da década de 1930, dirigiu a Página de Educação no jornal Diário de Notícias, através da qual expressava e difundia os ideais da Escola Nova para o público em geral. Também esteve envolvida, já no final da década de 1940, com o Movimento Folclórico brasileiro (1947-1967), participando ativamente de suas atividades nacionais e regionais. Sua atuação como educadora é mais conhecida e estudada, ao contrário de seu lado folclorista, que recebeu pouca atenção da bibliografia especializada. Será este o foco deste estudo, que procurará entender suas diferentes formas de atuação social como um projeto único de nação.
metadata.dc.description.abstractother: The aims of this research is to analyze the contributions of Cecília Benevides de Carvalho Meireles (1901-1964) to brazilian education and folklore discussions, specifically the relationship established by her between these two subjects. Cecilia Meireles has a rich background of social acting as a poet, educator, folklorist, chronicler in the mainstream newspapers, literary critic and even a translator of foreign books. She engaged in the educational reform movement in the 1920s and 1930s as one of the signatories of the Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova (1932). In the first three years of 1930s, she directed Página de Educação in the newspaper Diário de Notícias, in which she expressed and spread the ideals of the New School to the general public. By the late of 1940s she was also engaged in the Brazilian Folkloric Movement (1947-1967), actively participating in their national and regional activities. Her performance as an educator is more known and studied, unlike the folklorist side, which received little attention from specialized literature. This will be the focus of this study, which will seek to understand different forms of social action as a single national project.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/220
Appears in Collections:PPGH - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Vieira, Ana-Dissert-2013.pdf2.23 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.