Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/2353
Title: Validação de conteúdo da escala de gravidade de sintomas Edmonton Symptom Assessment System (ESAS) em pacientes portadores de insuficiência cardíaca crônica
Authors: Santos, Bruno Bompet dos
metadata.dc.contributor.advisor: Cavalcanti, Ana Carla Dantas
metadata.dc.contributor.members: Figueiredo, Lyvia da Silva
Vieira, Gláucia Cristina Andrade
Issue Date: 2016
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Santos, Bruno Bompet dos. Validação de conteúdo da escala de gravidade de sintomas Edmonton Symptom Assessment System em pacientes portadores de insuficiência cardíaca crônica. 2016. 68 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem e Licenciatura)-Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa, Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2016
Abstract: Devido à alta manifestação sintomática durante a descompensação da insuficiência cardíaca crônica e discrepância entre o número de transplante e de óbtios, surge à necessidade da validação de conteúdo para a adaptação de uma escala que avalie a severidade dos sintomas em pacientes portadores de insuficiência cardíaca crônica. Objetivo Geral: Validar o conteúdo da escala de sintomas EDMONTON SYMPTOM ASSESSMENT SYSTEM (ESAS-Br). Objetivos Específicos: 1 - Realizar uma revisão integrativa sobre os sintomas de pacientes com IC crônica; 2 - Realizar a validação de conteúdo obtido na revisão integrativa para a ESAS-Br para ser aplicada na avaliação da gravidade dos sintomas de pacientes com IC crônica. Metodologia: Trata-se de um estudo metodológico contendo três etapas; 1 – Permissão para uso da ESAS junto aos desenvolvedores e tradutores; 2 – Revisão integrativa dos principais sintomas da insuficiência cardíaca; 3- Comitê de juízes especialistas para validação de conteúdo utilizando a teoria Delphi. Resultados: A partir da avaliação dos 25 juízes, os sintomas que alcançaram percentuais acima de 70% foram: Falta de Apetite (84%), Dor (72%), Cansaço (76%), Palpitação (72%), Fraqueza (72%); Dentre os que obtiveram resultados inferiores a 50% foram: Taquicardia (44%), Qualidade do Sono (48%), Anorexia (24%), Sonolência (36%), Náuseas (36%), Confusão (48%), Mau-Humor (44%) e Tosse (44%). Discussão: Alguns estudos apresentaram baixo grau de concordância com o parecer dos juízes diante de determinados sintomas, como por exemplo, a Dispneia e Dispneia Paroxística Noturna. O sintoma que obteve maior percentual de concordância, a Falta de Apetite, não contém estudos que definam sua prevalência na IC. Conclusão: Este estudo validou conteúdos levantados na bibliografia para a validação de uma escala. Há a necessidade de novas rodadas no Delphi para o alcance de máxima concordância entre os juízes
metadata.dc.description.abstractother: Due to the high symptomatic manifestation during decompensation of chronic heart failure and discrepancy between the number of transplants and deaths, the need arises for content validation for the adaptation of a scale to assess the severity of symptoms in patients with chronic heart failure. General Objective: To validate the content of the symptom scale EDMONTON SYMPTOM ASSESSMENT SYSTEM (ESAS-Br). Specific Objectives: 1 - Make an integrative review of symptoms in patients with chronic heart failure; 2 - Perform obtained content validation in integrative review to ESAS-Br to be used to assess the severity of symptoms of patients with chronic HF. Methodology: This is a methodological study with three stages; 1 - Permission to use the ESAS with developers and translators; 2 - Integrative review of the main symptoms of heart failure; 3- Committee of expert judges for content validation using the Delphi theory. Results: From the assessment of the 25 judges, symptoms that reached percentages above 70% were: Lack of appetite (84%), pain (72%), fatigue (76%), palpitation (72%), weakness (72 %); Among those who has had lower results than 50% were tachycardia (44%), Sleep Quality (48%), anorexia (24%), somnolence (36%), nausea (36%), Confusion (48%) Poor -Humor (44%) and cough (44%). Discussion: Some studies showed a low level of agreement with the opinion of the judges before certain symptoms, such as dyspnoea and the Dyspnea Paroxysmal Nocturnal. The symptom that obtained the highest percentage of agreement, the lack of appetite, contains no studies to define its prevalence in HF. Conclusion: This study has validated content raised in the literature for the validation of a scale. There is a need for new rounds in Delphi to achieve maximum agreement among the judges
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/2353
Appears in Collections:EEAAC - Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Bruno Bompet dos Santos.pdf1 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.