Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/262
Title: A gente da Felisberta: consciência histórica, história e memória de uma família negra no litoral rio-grandense na pós-emancipação (c. 1847 – tempo presente).
Authors: Weimer, Rodrigo de Azevedo
metadata.dc.contributor.advisor: Mattos, Hebe Maria
Issue Date: 2013
Citation: WEIMER, Rodrigo de Azevedo. A gente da Felisberta: consciência histórica, história e memória de uma família negra no litoral rio-grandense na pós-emancipação (c. 1847 – tempo presente). 2013. 497 f. Tese (Doutorado em História) – Departamento de História, Universidade Federal Fluminense Niterói, 2013. Disponível em: <http://www.historia.uff.br/stricto/td/1468.pdf>.
Abstract: No presente trabalho tenho como objetivo analisar como o passado escravista e o período subsequente à Abolição da escravidão vêm sendo lembrados ao longo do século XX na região do litoral norte do Rio Grande do Sul. Para tanto, analisou-se a trajetória de um casal de escravos e sua descendência desde meados do século XIX até a aurora do século XXI. Inscreve-se na perspectiva da “história da memória”, não obstante a experiência vivida seja recuperada como forma de contextualizar os processos de rememoração. Temáticas como a relação entre a oralidade e a cultura escrita, as experiências de gênero e de racialização, a valorização da memória do cativeiro face a disputas políticas contemporâneas e as práticas de nominação foram costuradas através do conceito de “consciência histórica”, por meio da qual procuro traduzir uma disposição investigativa – ainda que não “científica” ou “acadêmica” – do grupo estudado face a seu próprio passado.
metadata.dc.description.abstractother: In this study I intend to analyze how the slavery past and the period after the Abolition of slavery in Brazil have been recorded during the 20th century in the north littoral of the Brazilian State of Rio Grande do Sul. The trajectory of a couple of slaves and their offspring was studied since the middle of the 19th century till the dawn of the 21th century. This thesis befits into the perspective of the “history of memory”, notwithstanding the lived experience in recovered as a way of contextualization of the remembrance processes. Issues like the relation between orality and written culture, gender and racialization experiences, the appreciation of the slavery memory in view of contemporary political disputes, and the practices of nomination were interconnected through the concept of “historical consciousness”. This concept means and investigative disposition – but not “scientific” neither “academic” – of the studied group in view of their own past.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/262
Appears in Collections:PPGH - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Weimer, Rodrigo-Tese-2013.pdf5.69 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.