Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/3078
Title: Implicações do processo de acreditação em serviços de farmácia de hospitais privados sob a perspectiva da qualidade da assistência farmacêutica: um estudo de caso
Authors: Bouças, Esterlita
metadata.dc.contributor.advisor: Futuro, Debora Omena
metadata.dc.contributor.advisorco: Castilho, Selma Rodrigues de
metadata.dc.contributor.members: Luiza, Vera Lucia
Matos, Guacira Corrêa de
Issue Date: 20-Mar-2017
Abstract: A discussão a respeito da avaliação da qualidade em saúde tornou-se um fenômeno universal, cuja essência é garantir os mais elevados padrões assistenciais, a fim de obter bons resultados em um mercado cada vez mais competitivo. Apesar dos avanços no setor, falhas continuam acontecendo, especialmente em relação à má utilização dos medicamentos, cujo gerenciamento inadequado constitui um autêntico problema de saúde pública. Este estudo analisa o impacto do processo de acreditação na assistência farmacêutica hospitalar, sob a perspectiva de farmacêuticos e seus clientes internos. Para isso, foi realizado um estudo de casos múltiplos em cinco hospitais privados do Estado do Rio de Janeiro, pertencentes a uma grande operadora de saúde e acreditados pela ONA até Abril de 2012. Partindo-se da aplicação de dois instrumentos investigativos, caracterizaram-se as unidades hospitalares e seus serviços de farmácia, buscando identificar as mudanças promovidas pela acreditação nos eixos estrutura, processo e resultados. Paralelamente, aplicou-se a técnica de grupo focal para compreender as implicações do processo de acreditação na assistência farmacêutica hospitalar, a partir das percepções dos sujeitos que vivenciaram o fenômeno. Constatou-se que a acreditação resultou em investimentos de infraestrutura, recursos tecnológicos e humanos. Houve incremento na execução de atividades desejáveis para um serviço de farmácia hospitalar, com destaque para a farmácia clínica, que resultaram em adequação de processos e melhora geral de desempenho. A diferença observada se mostrou significativa (p=0,0088) para um nível de confiança de 95%. Observou-se que os serviços farmacêuticos hospitalares estão em expansão na amostra avaliada, criando um novo modelo de prática profissional, resultante de mudanças estruturais e processuais, que contribuem para uma transformação lenta, porém contínua da realidade da farmácia hospitalar. Na perspectiva dos clientes, houve discreta melhora na eficiência, qualidade e a segurança do serviço prestado. No entanto, a qualidade do atendimento global oferecido ao paciente permanece aquém do desejado, o que contribui para uma visão frágil dos processos implantados em decorrência da acreditação. Apesar do atendimento parcial das expectativas dos clientes, o impacto geral no desempenho da farmácia hospitalar foi positivo. Nesse contexto, as diretrizes da acreditação em serviços de saúde podem apontar o caminho para o aprimoramento da farmácia hospitalar, ao exigir o cumprimento de padrões necessários a uma assistência farmacêutica de qualidade, pautada na segurança e otimização dos resultados clínicos, econômicos e sociais
metadata.dc.description.abstractother: The discussion of quality assessment in health care has become a universal phenomenon, whose essence is to ensure the highest standards of patient care in order to obtain good results in an increasingly competitive market. Despite the sector's development, failures are still happening. Among the most serious events are medication errors, as a result of inappropriate drug management, becoming a real public health problem. This study analyzes the impact of accreditation in hospital pharmacies from the perspective of pharmacists and their stakeholders. For this, a case study was conducted in five private hospitals in the city of Rio de Janeiro, belonging to a large health carrier and accredited by ONA until April 2012. Two questionnaires were applied to the personal to characterize the hospitals and their pharmacy services trying to identify the changes promoted by the Accreditation in structure, processes and outcomes. In parallel, focus group was conducted to understand the implications of the accreditation in the hospital pharmacies from the perceptions of the subjects who experienced the phenomenon. The questionnaires identified changes resulting from the pharmacy’s accreditation, such as investments on structure, technology and personnel. It also provided an increase in desirable activities for hospital pharmacy, with emphasis on clinical pharmacy, which resulted in processes' adaptations and overall performance improvement. The difference was significant (p = 0.0088) for a confidence level of 95%. It was observed that the hospital pharmacy’s services are expanding in the sample studied. This creates a new model of professional practice that contributes to a slow but continuous transformation in the hospital pharmacy's reality. From the perspective of stakeholders there was a slight improvement in efficiency, quality and safety of services provided by hospital pharmacy. However, the overall quality of care provided to the patient remains below the desired level which contributes to a weak view of processes deployed as a result of accreditation. Despite the partial fulfillment of customer expectations, the overall performance was positive. In this context it is concluded that the accreditation's guidelines may point the way for the development of hospital pharmacies, since they require compliance with standards for the quality of pharmaceutical care, based on security and optimization of clinical, economic and social outcomes
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/3078
Appears in Collections:PPG-GAFAr - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Bouças, Esterlita [Disserteação, 2014].pdf1.78 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.