Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/3453
Title: Interferência da L1 sobre a L2: uma abordagem psicolinguística sobre o parâmetro do sujeito nulo no Pb e no Espanhol
Authors: Carvalho, Carla Mota Regis de
metadata.dc.contributor.advisor: Areas, Eduardo Kenedy Nunes
metadata.dc.contributor.members: Dias, Aline Fernanda Alves
Abreu, Kátia Nazareth Moura de
Issue Date: 3-May-2017
Abstract: A discussão sobre como acontece a aquisição de uma segunda língua (L2) e em que medida a língua materna (L1) pode interferir neste processo tem se mostrado bastante produtiva e complexa na literatura. O PB tem sido considerado uma língua parcialmente pro drop, segundo Duarte (1995) por apresentar a preferência pelo preenchimento de sujeitos referenciais. Já o espanhol, segundo Pinheiro-Correa (2010), caracteriza-se como uma língua pro drop prototípica por preencher o sujeito em situações específicas, como as de foco contrastivo ou quando aparecem complementos apositivos ou adjetivais. Estas diferenças relacionadas ao preenchimento do sujeito sintático entre o PB e o espanhol permitiram uma comparação, à luz da teoria de Princípios e Parâmetros (P&P) (CHOMSKY, 1981, 1995, 2011), por meio de uma abordagem metodológica da psicolinguística experimental, com o intuito de investigar o processamento das estruturas de sujeito nulo e pleno em falantes nativos do PB e do espanhol e verificar se há transferência do PB na aquisição de espanhol como L2 com relação ao preenchimento do sujeito pronominal e, ainda, se tal transferência é anulada e substituída pelo parâmetro da língua alvo durante o curso do aprendizado da L2. Para isso, foram realizados dois experimentos off-line de produção induzida que consistiam na continuação de pequenas narrativas incompletas em espanhol divididas em quatro condições experimentais (1ª e 3ª pessoas do singular e 1ª e 3ª pessoas do plural), ambos foram realizados com aprendizes de espanhol como L2. O experimento I contou com alunos do curso de idiomas Prolem e o experimento II contou com alunos da graduação da Universidade Federal Fluminense, além disso, os dados de um grupo de nativos (controle) foram utilizados nos dois experimentos. Coube aos participantes experimentais divididos em três níveis de proficiência (básico, intermediário e avançado) continuar as 12 pequenas narrativas experimentais com duas ou três palavras apenas. A hipótese que orientou este trabalho é a de que o parâmetro do sujeito nulo da L1 seja transferido para a L2, tendo sua interferência diminuída em função do aumento da proficiência na língua-alvo. Todos os resultados foram submetidos ao teste estatístico qui-quadrado e indicaram que o valor do parâmetro do sujeito nulo do PB, como L1, parece ser transferido para o espanhol como L2 mais visivelmente em aprendizes do curso de idiomas, mas que o mesmo acontece em menor escala com os aprendizes de espanhol, como L2, alunos da graduação e, ainda, que a interferência entre estas línguas parece diminuir em função do aumento da proficiência na língua-alvo de acordo com os resultados dos dois experimentos
metadata.dc.description.abstractother: The discussion on how the acquisition of a second language (L2) happens and the extent that the mother language (L1) can interfere in this process is being very productive and complex in literature. BP (Brazilian Portuguese) is being considered a partially pro drop language, according to Duarte (1995) because it presents the preference for filling reference subjects. Spanish, according to Pinheiro-Correa (2010), is characterized as a prototypical pro drop language because it fills the subject in specific situations, such as contrastive focus or when appositive or adjectival complements appear. These differences related to the fulfillment of the syntactical subject between BP and Spanish allowed a comparison, in according to the theory of Principles and Parameters (P&P) (CHOMSKY, 1981, 1995, 2011), through the methodological approach of the experimental psycholinguistics, in order to investigate the processing of structures of null and full subject in native speakers of BP and Spanish and check for transfer from BP in the acquisition of Spanish as L2 in relation to the completion of the subject pronoun, and even if such transfer is canceled and replaced by the target language parameter during the L2 learning course. For this, we performed two off-line experiments of induced production that consisted of the continuation of short narratives incomplete in Spanish divided into four experimental conditions (1st and 3rd person of singular and 1st and 3rd person of plural), both were conducted with apprentices of Spanish as L2. The experiment I had students of the language course Prolem and experiment II had undergraduate students of Universidade Federal Fluminense, in addition, data from a group of native speakers (control) were used in both experiments. It was up to the experimental participants divided into three proficiency levels (basic, intermediate and advanced) to continue 12 small experimental narratives with two or three words only. The hypothesis that guided this work is that the L1 null subject parameter is transferred to L2, and its interference is decreased due to the increased proficiency in the target language. All results were submitted to the statistical test chi-square test and they indicated that the parameter value of the null subject of BP, as L1, seems to be transferred to the Spanish as L2 most visibly in the learners language course, but it is also true in smaller scale with learners of Spanish as L2, graduate students, and also the interference between these languages seems to decrease due to increased proficiency in the target language according to the results of two experiments
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/3453
Appears in Collections:POSLING - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
A INTERFERÊNCIA DA L1 SOBRE A L2 - CARLA MOTA - VERSÃO FINAL.pdf590.21 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons