Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/3505
Title: Contribuição de treinamentos simulados para o aprendizado e a prevenção de infecções relacionados a assistência à saúde
Authors: Alcântara, Letícia Cataldi de
metadata.dc.contributor.advisor: Silva, André Ricardo Araújo da
metadata.dc.contributor.advisorco: Andrade, Marilda
metadata.dc.contributor.members: Silva, André Ricardo Araújo da
Andrade, Marilda
Braga, André
Issue Date: 2016
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Alcântara, Letícia Cataldi de. Contribuição de treinamentos simulados para o aprendizado e a prevenção de infecções relacionados a assistência à saúde. 2016. 40 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) - Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa, Universidade Federal Fluminense, 2016.
Abstract: As infecções relacionadas à assistência à saúde (IRAS) constituem um problema grave e um grande desafio, exigindo ações efetivas de prevenção e controle pelos serviços de saúde. No entanto, em diversos estudos já publicados, nota-se a necessidade de maior adesão a práticas efetivas de prevenção e controle das IRAS por parte dos profissionais das diversas áreas da saúde, evidenciando a necessidade de novas estratégias de assimilação do conhecimento e execução de boas práticas. O treinamento simulado é um método eficiente para promoção de novos conhecimentos, podendo ser aplicado em diversos cenários de assistência à saúde. O objetivo geral do trabalho foi mensurar o conhecimento de alunos da graduação de diversos cursos da saúde, sobre IRAS, utilizando como ferramenta treinamentos simulados e análise de aproveitamento através de testes pré-treinamento e pós-treinamento. Foram treinados entre 2013 e 2015, 90 alunos da graduação em saúde, sendo 59 (65,5%) da medicina, 27 (30%) da enfermagem e 4 (4,4%) da farmácia. O aproveitamento global no pré-teste foi 53% e 83,5% no pós-teste (p <0,05). Não houve diferença estatística significante em relação ao aproveitamento quando os cursos foram comparados. Também não houve diferença em relação ao aproveitamento, quando os estudantes foram comparados em relação ao período em que estavam na graduação. Através dos resultados, pode-se observar que os acadêmicos das diversas áreas de saúde ainda possuem um conhecimento ineficiente sobre IRAS. Além disso, o presente trabalho mostrou a contribuição do treinamento simulado para a compreensão e assimilação de um conteúdo. Desta forma, os treinamentos simulados devem fazer parte das estratégias utilizadas para a prevenção e redução das IRAS.
metadata.dc.description.abstractother: Health care-related infections (HRE) are a serious problem and a major challenge, requiring effective prevention and control actions by the health services. However, in several studies already published, it is noted the need for greater adherence to effective practices of prevention and control of IRAS by professionals in the various health areas, evidencing the need for new strategies to assimilate knowledge and to perform good Practices. The simulated training is an efficient method to promote new knowledge and can be applied in several health care scenarios. The general objective of this work was to measure the knowledge of undergraduate students of several health courses, about IRAS, using as training tool Simulation and performance analysis through pre-training and post-training tests. Between 2013 and 2015, 90 undergraduate students in health were trained, 59 (65.5%) of the medicine, 27 (30%) of the nursing and 4 (4.4%) of the pharmacy. The overall rate of right answers in pre-test was 53% and 83.5% in post-test ( P<0.05). There was no statistically significant difference in relation to achievement when the courses were compared. There was also no difference in achievement, when the students were compared in relation to the period in which they were in graduation. Through the results, it can be observed that the academics of the different health areas still have an inefficient knowledge about IRAS. In addition, the present work showed the contribution of simulated training to the comprehension and assimilation of a content. In this way, the simulated training should be part of the strategies used for the prevention and reduction of IRAS.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/3505
Appears in Collections:EEAAC - Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC Leticia Cataldi de Alcântara.pdf819.94 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons