Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/3793
Title: Ecos do ser e do estar: um estudo discursivo acerca do trabalho do professor de inglês de cursos livres
Authors: Souza, Carlos Fabiano de
metadata.dc.contributor.advisor: Freitas, Luciana Maria Almeida de
metadata.dc.contributor.members: França, Maristela Botelho
Almeida, Ricardo Luiz Teixeira de
Issue Date: 6-Jun-2017
Abstract: Este estudo tem por objetivo investigar a fala do professor de inglês sobre a sua atividade em cursos livres de idiomas (CLIs), trazendo à tona as imagens discursivas (DEUSDARÁ, ROCHA, 2006) que ele constrói sobre o seu trabalho e sobre si em instituições dessa natureza. Isso implica em desvendar os sentidos e a materialização, recuperados por meio do fio discursivo, do debate que perpassa a relação: formação e experiência/trabalho prescrito e trabalho real (GUÉRIN et al, 2001). Os pressupostos teórico-metodológicos que ancoram esta pesquisa se constituem na interlocução entre linguagem e trabalho. No que se refere aos estudos do trabalho, nosso aporte foi construído a partir de conceitos da Ergonomia Situada (LAVILLE, 1977; VIDAL, 1998; GUÉRIN et al, 2001) e da Ergologia (SCHWARTZ, 2010). No campo dos estudos de linguagem, nossa lente de análise debruçou-se sobre a concepção dialógica (BAKHTIN [VOLOSHÍNOV], 2009; 2011), em diálogo com a perspectiva de Análise do Discurso de base enunciativa (MAINGUENEAU, 1997; 2008a; 2008b; 2009; 2013; 2015). Nessa interface, privilegiou-se a fala sobre o trabalho (LACOSTE, 1998). Para a análise e interpretação dos excertos discursivos produzidos por uma professora licenciada e um professor não licenciado que lecionam inglês em CLIs, por meio do evento entrevista (DAHER, 1998), elaboramos um roteiro sistematizado em três blocos temáticos, quais sejam: (1) saberes da formação; (2) saberes da experiência; (3) tensão entre o trabalho prescrito e o real. Os resultados obtidos sinalizaram para o trabalho do professor enquanto uma construção permeada pela formação e pela experiência, em um processo inacabado, dinâmico, vivo, em que os valores que circulam na situação de trabalho desempenham um papel preponderante na construção e reconstrução de novos saberes, por meio do debate de normas. Além disso, a análise dos excertos também nos permitiu recuperar, por meio das imagens discursivas, dois tipos de étos de professores operando em situação de trabalho nesses ambientes de ensino e aprendizagem de LE, evidenciando, assim, maneiras singulares de ser/estar na profissão
metadata.dc.description.abstractother: This study aims at investigating the speech of the teacher of English about his/her activity within Private Language Courses (PLCs), revealing the discursive images (DEUSDARÁ, ROCHA, 2006) that they construct about their work and about themselves at institutions of that nature. That implies unveiling the meanings and the materialization, extracted from discursive resonances, of the debate which go through the relation: education and experience/prescriptive work and real work (GUÉRIN et al, 2001). The theoretical-methodological assumptions that support this research lie in the interlocution between language and work. With regard to the studies on work, our approach was built by concepts from Situated Ergonomics (LAVILLE, 1977; VIDAL, 1998; GUÉRIN et al, 2001) and Ergology (SCHWARTZ, 2010). In the field of language studies, our focus of analysis was based upon the Dialogical Conception (BAKHTIN [VOLOSHÍNOV], 2009; 2011), in dialogue with the Discourse Analysis perspective on enunciative basis (MAINGUENEAU, 1997; 2008a; 2008b; 2009; 2013; 2015). Within this interface, we gave preference to the speech about work (LACOSTE, 1998). To analyze and interpret the discursive excerpts produced by a female graduate teacher and a male non-graduate teacher that teach English at PLCs, through the event interview (DAHER, 1998), we elaborated a systematized guideline framed as a three thematic chart, i.e.: (1) knowledge from education; (2) knowledge from experience; (3) tension between the prescriptive work and real one. The analyses point to the work of the teacher as a construction encompassed by teacher education and experience, within an unfinished, dynamic and live process, in which the values that circulate in the situation of work play a major role in the construction and reconstruction of new pieces of knowledge, by means of debate of norms. Thus, by investigating the excerpts we had access, through the discursive images, to two sorts of ethos of teachers functioning in the situation of work at those environments of teaching and learning of foreign language, revealing unique ways of being within the profession
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/3793
Appears in Collections:POSLING - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação_Carlos Fabiano de Souza.pdf2.05 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons