Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/3849
Title: A criança como influenciadora de compra para a publicidade: apelos, motivações e subjetividade infantil
Authors: Martins, Ingrid Schumann Seabra
metadata.dc.contributor.advisor: Bragaglia, Ana Paula
metadata.dc.contributor.members: Cabral, Adilson Vaz
Santos, Suzy dos
Issue Date: 13-Jun-2017
Abstract: O presente estudo teve como objetivo investigar de que forma a publicidade pode estimular crianças a se tornarem, não apenas consumidores finais, mas também influenciadores na tomada de decisão por parte de quem possui efetivamente o poder de compra. Buscou-se ainda estudar a influência de consumo que a criança pode vir a realizar no seio familiar, no caso de produtos de uso não exclusivamente infantil. Finalmente, buscou-se compreender em que grau a publicidade estaria envolvida no estímulo desta postura específica de consumo, assim como as possíveis consequências deste comportamento na subjetividade infantil. A posição da criança na sociedade passou por mudanças ao longo dos anos: se antes, muitas vezes, ganhava ínfima atenção da família, hoje tem sua opinião amplamente valorizada dentro de casa, ganhando projeção o comportamento denominado “protagonismo infantil”. Este destaque pode ocorrer até mesmo em questões de consumo e é sobre esta via que esta dissertação se debruçou. Foram feitas leituras sobre psicologia infantil, aspectos históricos-sociais da infância, técnicas de marketing e linguagem publicitária voltados a este público, políticas da comunicação publicitária infantil no Brasil e em outros países, além de terem sido analisadas diversas pesquisas sobre consumo e influência de compra em crianças. A partir deste material, partiu-se para a análise de comerciais televisivos e realização de entrevistas com pais de crianças entre 5 e 10 anos. Como principais resultados, identificou-se setenta e sete (77) anúncios de produtos ou serviços de uso familiar ou adulto, com elementos atraentes às crianças, e confirmou-se, nas entrevistas, a influência da publicidade sob o público infantil. Como alguns impactos possíveis deste “marketing de influência” na subjetividade infantil, percebeu-se a própria postura consumista, bem como o chamado “encurtamento da infância”
metadata.dc.description.abstractother: This study aimed to investigate how advertising can encourage children to become not only consumers, but also influential in decision-making by those who actually have the purchasing power. We sought to investigate the influence consumption that the child may hold within the family, about products created for adults and family. Finally, we sought to understand the extent to which advertising is involved in stimulating this specific posture consumption, as well as the possible consequences of this behavior in the children's subjectivity. The child's position in society has undergone changes over the years: before, it was common to be ignored by the small family, today his opinion is valued in family topics and in other issues as well. This behavior stimulate the rising of the child as a “protagonist”. This reaction can occur even in consumer issues and it is about that topic that this dissertation leaned. We read about child psychology, historical and social aspects of childhood, marketing and advertising language techniques aimed at this audience, political advertising of infant communication in Brazil and in other countries, and analyzed several studies about consumption and buying influence of children. With this material, we observed television commercials and made interviews with parents of children between 5 and 10 years. As main results, it was identified seventy-seven (77) product announcements of produtcts/services for adult or family use, that had attractive elements to children. In the interviews, it was possible to confirme the influence of advertising on children. As some possible impacts of this “marketing of influence” in the children's subjectivity, it was noticed the very consumerist stance, as well as the so-called “shortening of the childhood”.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/3849
Appears in Collections:PPGMC - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação - Ingrid Schumann Seabra Martins.pdf3.62 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.