Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/3890
Title: Converso, logo compro: a sociabilidade como instrumento de consumo em rede
Authors: Couto, Tatiana Cioni
metadata.dc.contributor.advisor: Granero, Arlete Eni
metadata.dc.contributor.members: Pereira, Cláudia da Silva
Ribeiro, Renata de Rezende
Issue Date: 26-Jun-2017
Abstract: A mídia social possibilitou às pessoas a possibilidade da publicação instantânea e a troca de opiniões e comentários em rede. Algumas empresas constroem negócios virtuais nessas mídias ou delas se utilizam. O surgimento das redes e da internet trouxe consequências como: a realização de ações em “tempo real”; o surgimento e a ocupação do “ciberespaço”; o deslocamento de identidades; as representações do Eu no “mundo virtual” e a conexão entre as pessoas por meio de computador ou dispositivos móveis para realizar negócios (comércio social). Essas interações mediadas por computador afetaram o o modo de se expressar e o consumo. Foram utilizados como preceitos teóricos: a definição de sociedade e de interação social (BAKTHIN, 2006); a Comunicação Mediada por Computador (CASTELLS, 1999); a conversação em rede (RECUERO, 2012) e o consumo via validação social (ADOLPHO, 2013) para mostrar o place internet como a nova forma de exercer e promover o consumo via sociabilidade. A pesquisa tem como objetivo geral estabelecer a relação entre os elementos: comunidade, conteúdo, comércio de uma marca e o argumento da prova social como influenciadora na Comunicação Mediada por Computador (CMC) apresentando como objeto de estudo o site de viagens TripAdvisor. Observa-se que o TripAdvisor, um site de viagens, ao reunir fóruns de discussões, Facebook e sistemas abertos de avaliações de usuários sobre locais de viagem e de gastronomia, consegue atuar como uma mídia social em rede. Ao mesmo tempo, a empresa gera um o comércio eletrônico vinculado às percepções de uma mídia social
metadata.dc.description.abstractother: The social media has enabled people to instantly publish, exchange and express opinions. Some companies build virtual businesses inside these medias or even simply use these medias to convey their business. The arise of the web and the internet has brought consequences such as: “real time” achievements, the emerge and occupation of “cyberspace”, the identity displacement, the representation of Self in the virtual world and the connection among people through computers and mobile gadgets in order to make business (social business). These interactions, mediated by computers, affect the behavior by which people express themselves and consume. It has been used as theoretical precepts the definition of society and social interaction (BAKTHIN, 2006); the Communication Mediated by Computers (CASTELLS, 1999); the conversations in the web (RECUERO, 2012) and the consumption via social validation (ADOLPHO, 2013), all of these to show the internet place as the new way to promote and excel the consumption through sociability. It is noted that TripAdvisor, a travelling site, in gathering discussion forums, Facebook and open users’ evaluation systems about trip places and gastronomy, was able to act as a social media in the web. At the same time, the company could generate an electronic commerce linked to a social media perception
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/3890
Appears in Collections:PPGMC - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação Tatiana Couto.pdf2.51 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.