Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/4026
Title: Análise da cooperação técnica em saúde Brasil-Moçambique como estratégia de governança global da saúde
Authors: Pereira, Eduardo Mazzaroppi Barão
metadata.dc.contributor.advisor: Silva Jr, Aluísio Gomes da
metadata.dc.contributor.advisorco: Hansen, Gilvan Luiz
metadata.dc.contributor.members: Hansen, Gilvan Luiz
Pauseiro, Sérgio Gustavo de Mattos
Iulianelli, Jorge Atílio Silva
Issue Date: 20-Jul-2017
Abstract: O projeto de pesquisa “Análise da cooperação técnica Brasil-Moçambique como estratégia de governança global da saúde” discute, a partir da análise da parceria Fiocruz-Moçambique, a cooperação técnica internacional em saúde como estratégia pós-nacional de governança global da saúde. Defende-se a cooperação técnica internacional (CTI), principalmente a cooperação Sul-Sul estruturante em saúde, como instituição consonante com a noção de pós-nacionalidade, participando ela da governança global da saúde. O presente estudo opera uma análise interpretativa de aspectos macro e micro estruturais da governança global. Começa-se discorrendo acerca das noções contemporâneas de pós-nacionalidade e de governança global. Em seguida, passa-se à discussão acerca da cooperação técnica, enquanto instituto afeito às Relações Internacionais (RI), ao Direito e à governança em saúde na atualidade. Finalmente, analisa-se o caso da cooperação Brasil-Moçambique estabelecida entre a Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ) e o Ministério da Saúde de Moçambique, notadamente quanto aos entraves e gargalos enfrentados nos últimos anos. Conclui-se sugerindo alternativas e indicando caminhos para a superação dessas dificuldades, sob um enfoque pós-nacionalista, considerando-se a cooperação técnica poderoso instrumento de construção de um modelo de cidadania e de governança global.
metadata.dc.description.abstractother: The research project "Analysis of technical cooperation Brazil-Mozambique as global governance of health strategy" discusses, from the analysis of Fiocruz-Mozambique partnership, international technical cooperation in health and post-national strategy for global health governance. It supports international technical cooperation, mainly structuring South-South cooperation in health, as consonant institution with the notion of post-nationality, taking part into global health governance. This study operates an interpretive analysis of macro and microstructural aspects of global governance. It starts discoursing contemporary notions of post-nationalism and global governance. Then it situates technical cooperation in international relations, law and governance on health in the present. Finally, it is analyzed the Brazil-Mozambique`s cooperation on health, which was established between the Oswaldo Cruz Foundation (FIOCRUZ) and the Ministry of Health of Mozambique, especially considering current obstacles and bottlenecks. It concludes by suggesting alternatives and indicating ways to overcome these difficulties, in a post-nationalist approach, considering the technical cooperation a powerful tool toward a model of citizenship and global governance
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/4026
Appears in Collections:PPGJA - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Analise da Cooperacao tecnica - Eduardo Mazzaroppi.pdf1.32 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons