Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/4352
Title: Características da doença troflobástica gestacional em mulheres atendidas em uma maternidade no município de Niterói
Authors: Souza, Maira Rodrigues de
metadata.dc.contributor.advisor: Vieira, Bianca Dargam Gomes
metadata.dc.contributor.members: Vieira, Bianca Dargam Gomes
Lauriano, André Guayanaz
Cabrita, Bruno Augusto Correa
Issue Date: 2013
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Souza, Maira Rodrigues de. Características da doença troflobástica gestacional em mulheres atendidas em uma maternidade no município de Niterói. 2013. 53 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) - Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa, Universidade Federal Fluminense, 2013.
Abstract: A gestação é um momento esperado na vida de muitas mulheres. Nesse momento desenvolvem-se expectativas para a mulher e família, quando pode trazer muitas dúvidas, anseios, alegrias, tristezas e preocupações para os envolvidos. Portanto tem-se como objetivos propostos da pesquisa: Identificar quantas mulheres com Doença Trofoblástica Gestacional foram atendidas pela Maternidade do HUAP/UFF de janeiro de 2007 a dezembro de 2011; Caracterizar a Doença Trofoblástica Gestacional dessas mulheres internadas quanto as variáveis: idade, paridade, classificação clínica, tratamento e complicações clínicas; e Relacionar essas variáveis advindas da Doença Trofoblástica Gestacional. Trata-se de um estudo descritivo e retrospectivo, com abordagem quantitativa, que utilizou como unidade de análise ao prontuários das pacientes com diagnóstico de Doença Trofoblástica Gestacional (DTG) no período de 2007 a 2011. O cenário de coleta de dados foi o setor de Arquivo Médico do Hospital Universitário Antônio Pedro (HUAP)/Universidade Federal Fluminense (UFF), localizado na cidade de Niterói, Rio de Janeiro. Os sujeitos, pesquisados por meio da análise de prontuário, foram 32 mulheres internadas em decorrência da Doença Trofoblástica Gestacional (DTG). Este estudo foi autorizado e liberado para início da coleta dos dados pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Faculdade de Medicina da Universidade Federal Fluminense, sob o número do protocolo 182.273, em 11/01/2013. Enquanto análise e discussão, o estudo apontou que nem todas as variáveis pesquisadas nos prontuários da Doença Trofoblástica Gestacional se relacionam, utilizando como embasamento citações da literatura pertinente.
metadata.dc.description.abstractother: Pregnancy is a time in the expected lives of many women. Right now develop expectations for his wife and family when you can bring a lot of doubts, anxieties, joys, sorrows and concerns for those involved. So how has proposed objectives of the research: Identify how many women with gestational trophoblastic disease were met by the Maternity HUAP / UFF, january 2007 to december 2011; characterize gestational trophoblastic disease such as women hospitalized following variables: age, parity, clinical classification, treatment and clinical complications, and relate these variables resulting from gestational trophoblastic disease. This is a descriptive and retrospective study with a quantitative approach, which used as the unit of analysis charts of patients with a diagnosis of gestational trophoblastic disease (GTD) in the period from 2007 to 2011. The scenario of data collection was the sector's Medical File Antonio Pedro University Hospital (HUAP) / Universidade Federal Fluminense (UFF), located in the city of Niterói, Rio de Janeiro. The subjects studied by analysis of medical records, 32 women were hospitalized as a result of gestational trophoblastic disease (GTD). This study was approved and released to the beginning of data collection by the Research Ethics Committee of the Faculty of Medicine, Universidade Federal Fluminense, under the protocol number 182,273 on 11/01/2013. While discussion and analysis, the study showed that not all the variables studied the medical records of gestational trophoblastic disease are related, using as basis of relevant literature citations. While discussion and analysis, the study showed that not all the variables studied the medical records of gestational trophoblastic disease are related, using as basis of relevant literature citations.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/4352
Appears in Collections:EEAAC - Trabalhos de Conclusão de Curso - Niterói

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC Maira Rodrigues de Souza.pdf794.88 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons