Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/4376
Title: Doação de sangue: um direito de quem precisa, um dever de quem pode doar
Authors: Lipiani, Lucas Ferrari
metadata.dc.contributor.advisor: Fuly, Patrícia dos Santos Claro
metadata.dc.contributor.members: Fuly, Patrícia dos Santos Claro
Santos, Mauro Leonardo Salvador Caldeira dos
José, Sabrina Ayd Pereira
Issue Date: 2011
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Lipiani, Lucas Ferrari. Doação de sangue: um direito de quem precisa, um dever de quem pode doar. 2011. 62 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) - Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa, Universidade Federal Fluminense, 2011.
Abstract: A doação de sangue é um procedimento totalmente seguro para o doador, executado apenas com material descartável. A doação deve ser um ato espontâneo, voluntário e não remunerado. A motivação da decisão de doar sangue deve ser o exercício da cidadania em sua forma mais nobre de salvar a vida de uma pessoa. O objeto geral da pesquisa foi Analisar as causas da adesão ou não dos acadêmicos de enfermagem da Escola de Enfermagem Aurora Afonso Costa (EEAAC) à campanha de doação de sangue, e os específicos: Identificar os motivos da doação voluntários dos acadêmicos de enfermagem nas campanhas implementados no campos da UFF e Identificar o conhecimento dos acadêmicos de enfermagem sobre a legislação em vigência de doação sangue. Trata-se de uma pesquisa exploratória com abordagem quantitativa, tendo como cenário a Escola de Enfermagem de Aurora de Afonso Costa e os sujeitos os discentes do segundo sétimo e oitavo período. A pesquisa foi realizada com 50 sujeitos, sendo 46 mulheres e 4 homens. Destes discentes somente 40% eram doadores de sangue enquanto, 60% não eram doadores. Dentre os motivos que levaram a os discentes a doar sangue o que mais se destaca foi campanhas realizadas pela faculdade e quando tratamos do motivo para que os discentes não doam pelo motivo a “falta de tempo” é a mais apontada. Verificamos um déficit no conhecimento sobre a nova legislação da hemoterapia, e averiguamos que 54% dos discentes apontam que há falta de doação de sangue. Baseando-se nos dados desta pesquisa observamos que os indivíduos detêm o conhecimento da necessidade da doação de sangue, porém estes ainda não criaram uma cultura que as levassem a realizar este ato. E muitos só o fazem por necessidade de um familiar/conhecido ou por benefícios como a folga no trabalho.
metadata.dc.description.abstractother: Blood donation is a completely safe procedure for the donor, performed only with disposable materials. The donation must be a spontaneous, voluntary and unpaid. The reasons for the decision to donate blood should be the exercise of citizenship in its noblest form of saving the life of a person. The object of the research was to analyze the causes for the membership or not of the nursing students of the School of Nursing Aurora Afonso Costa (EEAAC) to campaign for blood donation, and the specific: Identify the reasons for the voluntary donation of nursing students in the campaigns implemented in the fields of UFF and identify the knowledge of nursing students about the law in force for blood donation. This is an exploratory research with a quantitative approach, against the backdrop of the School of Nursing Aurora Afonso Costa and subjects the students of seventh and eighth second period. The survey was conducted with 50 subjects, 46 women and 4 men. Of these students only 40% were blood donors while 60% were not donors. Among the reasons that led to the students to donate blood, which was most prominent campaigns for college and when we discussed there a son why the students do not donate for the reason "lack of time" is the most often mentioned. We found a deficit in knowledge about hemotherapy new legislation, and to see that 54% of students indicate a lack of blood donation. Based on data from this study found that individuals have the knowledge of the need for blood donation, but they have not yet created a culture that would lead to carry out this act. And many do so only need a relative / acquaintance or benefits such as off work.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/4376
Appears in Collections:EEAAC - Trabalhos de Conclusão de Curso - Niterói

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC Lucas Ferrari Lipiani.pdf1.49 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons