Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/5130
Title: Educação em saúde junto a familiares de crianças em uso contínuo de medicamento
Authors: Monnerat, Cecília de Paula
metadata.dc.contributor.advisor: Silva, Liliane Faria da
metadata.dc.contributor.advisorco: Aguiar, Rosane Cordeiro Burla de
metadata.dc.contributor.members: Silva, Liliane Faria da
Aguiar, Rosane Cordeiro Burla de
Cursino, Emília Gallindo
Issue Date: 2013
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Monnerat, Cecília de Paula. Educação em saúde junto a familiares de crianças em uso contínuo de medicamento. 2013. 75 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) - Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa, Universidade Federal Fluminense, 2013.
Abstract: Com o avanço das tecnologias foi possível fazer com que a sobrevida das crianças aumente. Surge recentemente um grupo de crianças denominadas de crianças com necessidades especiais de saúde, as CRIANES. São crianças que demandam cuidados de quatro tipos: de desenvolvimento, medicamentoso, cuidados habituais modificados e tecnológico. Crianças que necessitam de cuidados especiais a serem realizados no domicílio por seus familiares, esses requerem algum conhecimento técnico para serem realizados. Percebeu-se então a necessidade de se orientar os familiares que se cuidarão dessas crianças no domicilio. Portanto o objeto de estudo dessa pesquisa é a educação em saúde junto a familiares acompanhantes para a alta hospitalar de crianças com necessidades especiais de saúde em uso contínuo de medicamento. As questões que nortearam o estudo foram: quais são as dúvidas dos familiares de CRIANES quanto aos cuidados domiciliares relacionados ao uso contínuo de medicamentos? A realização da roda de conversa como estratégia de educação em saúde durante a hospitalização auxilia os familiares de CRIANES quanto ao uso contínuo de medicamentos? Este estudo tem como objetivos identificar as dúvidas dos familiares de CRIANES quanto aos cuidados domiciliares relacionados ao uso contínuo de medicamentos, realizar roda de conversa como estratégia de educação junto a familiares para o preparo da alta hospitalar de CRIANES em uso contínuo de medicamentos e avaliar o resultado da estratégia de educação junto a familiares para o preparo da alta hospitalar de CRIANES em uso contínuo de medicamentos. Trata-se de um estudo descritivo e exploratório, com abordagem qualitativa que teve como cenário a emergência e enfermaria pediátrica de um Hospital Universitário situado no estado do Rio de Janeiro. A pesquisa foi aprovada pelo comitê de Ética e Pesquisa do Hospital (nº 330.164). Os sujeitos da pesquisa foram 13 familiares acompanhantes de crianças com necessidades especiais de saúde com demanda de uso contínuo de medicamento no domicílio que estavam internadas. Para a coleta de dados foi utilizada uma entrevista semiestruturada e rodas de conversa. A partir da análise dos dados surgiram as seguintes temáticas: dúvidas dos familiares de CRIANES quanto aos cuidados domiciliares relacionados ao uso contínuo de medicamento e resultado da estratégia de educação junto a familiares para o preparo da alta hospitalar de CRIANES em uso contínuo de medicamentos. Conclui-se que os familiares que cuidam de crianças com demandas de cuidado medicamentoso no domicílio precisam estar em constante aprendizado, pois sempre surgirão dúvidas conforme os tratamentos e condutas terapêuticas forem mudando. Foi possível sanar as dúvidas que os familiares apresentaram durante a pesquisa, porém não podemos afirmar que tudo o que foi dito e feito será seguido corretamente no domicílio, nem que eles não apresentarão mais dúvidas.
metadata.dc.description.abstractother: With the technology advance it was possible to increase the children survival. Recently arises a group of children referred to children with special health care needs, the CSHCN. These are children who require four types of care: developmental, medical, special usual care and technological. Children who require special care to be performed at home by their families, however these require some technical knowledge to be realized. Then realized the need to guide the family members who will be in charge of taking care of these children at home. Therefore the object of this research study is the health education along with accompanying family members to hospital discharge of children with special health care that needs continuous medication use. The questions that guided the study were: what are the questions of family members of CSHCN regarding home care related to continuous medication? The realization of the conversation groups as a health education strategy during hospitalization assists family members about the continued use of medication? This study aims to identify the concerns of relatives of CSHCN regarding home care related to continuous medication, make conversation groups as education strategy with the family to prepare the discharge of CSHCN on continuous medication and evaluate the result of the education strategy with the family to prepare the discharge of CSHCN on continuous medication. This is a descriptive, exploratory study with a qualitative approach that had as it background the emergency and pediatric ward of a University Hospital located in the state of Rio de Janeiro . The study was approved by the Hospital’s Ethics Committee and Research (No. 330.164). The study subjects were 13 family caregivers of children with special health care needs with demand of continuous use of medication in the household who were hospitalized. For the data gathering the semi-structured interview and conversation groups were used. From the data analysis the following themes emerged: Questions from relatives of CSHCN regarding home care related to the continuous use of medication and result of the education strategy with the family to prepare the discharge of CSHCN on continuous medication use. It was concluded that relatives who care for children with medical demands of home care need to be constantly learning, because there will always be doubts as treatments and therapeutic approaches are changing. It was possible to solve any doubts that the family presented during the research, but we can not say that everything that was said and done will be followed properly at home, even if they will not have more questions.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/5130
Appears in Collections:EEAAC - Trabalhos de Conclusão de Curso - Niterói

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC Cecília de Paula Monnerat.pdf1.05 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons