Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/5733
Title: Comportamento de contaminantes metálicos em eventos de ressuspensão de sedimentos portuários e estuarinos tropicais
Authors: Monte, Christiane do Nascimento
metadata.dc.contributor.advisor: Machado, Wilson Thadeu Valle
metadata.dc.contributor.advisorco: Rodrigues, Ana Paula de Castro
metadata.dc.contributor.members: Bidone, Edison Dausacker
Wasserman, Julio César Faria de Alvim
Malm, Olaf
César, Ricardo Gonçalves
Issue Date: 2017
Abstract: RESUMO A ressuspensão sedimentos pode alterar a biodisponibilidade dos contaminantes metálicos, podendo colocar em risco a biota. Esta hipótese foi testada em duas Baías – Guanabara e Sepetiba, no Rio de Janeiro, sendo a Guanabara dividida em cinco áreas. Em ambas as Baías há contaminação por metais-traço, na Guanabara um dos principais problemas é a contaminação dos sedimentos por Hg, enquanto na de Sepetiba é por Cd e Zn, ambas a Baías recebem efluentes domésticos e industriais. Assim, o objetivo geral deste estudo foi avaliar os efeitos da ressuspensão de sedimentos na região do Saco do Engenho (Baía de Sepetiba) e os estuários dos rios Meriti e Iguaçu, os Portos do Rio e de Niterói e a APA de Guapimirim (Baía de Guanabara) e o possível aumento da biodisponibilidade de metais-traço (Cd, Cu,Fe, Hg, MeHg, Mn, Ni, Pb e Zn). Em Sepetiba foram coletadas 12 amostras próximas ao Saco do Engenho, e foram submetidas a dois intervalos de tempo de ressuspensão (1h e 24h). Grandes concentrações de Zn e Cd foram encontradas na região, com o resultado da extração sequencial HCl 1 mol L-1 e após o método US EPA 3051 foi aplicado o índice de mudança na biodisponibilidade (BCI) que mostrou-se ser uma boa ferramenta no monitoramento do risco de sedimentos contaminados por metais associados à atividade de dragagem. Na Baía de Guanabara foram cinco pontos, um para cada área com três réplicas e foram submetidas a seis intervalos de ressuspensão ( 30min, 1h, 3h, 6h,12h e 24h). O Hg e o MeHg foram determinados em duas áreas da Baía (Meriti e Porto do Rio) e apesar das concentrações serem maiores no Meriti, o percentual de metilação foi quatro vezes maior no Porto Rio em relação ao Meriti, sendo a matéria orgânica e a granulometria, os reguladores da dinâmica do Hg. No estuário do Rio Iguaçu, foi aplicado o mesmo tipo de extração sequencial aplicado em Sepetiba e com apenas dois intervalos de ressuspensão (1h e 24h), e os resultados mostraram variação no gradiente estuarino e aumento na biodisponibilidade dos contaminantes metálicos após a ressuspensão. Foram realizados bioensaios terrestres com os sedimentos das cinco áreas da Baía de Guanabara com oligoquetas terrestres da espécie Eiseinia andrei , os bioensaios mostraram que os metais regulam a mortalidade das oligoquetas para quatro áreas, e há a influência da sazonalidade na mortalidade das oligoquetas, assim como a influência da espacialização dentro da Baía. Entretanto, na área menos contaminada houve a menor concentração letal 50% (CL50), que provavelmente foi provocada por outro fator, assim como houve o engordamento dos animais após a exposição, que pode estar relacionado à salinidade da região o outro fator desconhecido. Em Sepetiba, os resultados evidenciam que a ressuspensão afeta a biodisponibilidade de diferentes metais, principalmente no primeiro intervalo de tempo (1 hora), refletindo mudanças abruptas em função da exposição a condições oxidantes. Na Guanabara, houve uma oscilação entre os intervalos, entretanto para o MeHg no Porto do Rio houve metilação a partir do intervalo de 3h.
metadata.dc.description.abstractother: The resuspension of sediments can change the bioavailability of mettalic contaminants, could increase risk to biota. This hypothesis was tested in two bays- Gananbara and Sepetiba, in Rio de Janeiro, being the Guanabara divided into five areas. In both Bays there is contamination by trace metals, in the Guanabara, one of the main is the contamination of sediments by Hg, while Sepetiba, it’s for Cd and Zn, both bays receives domestics and industrial sewage. Therefore, the general aims of this study was evaluate the effects of resuspension of sediments in Saco do Engenho area (Sepetiba Bay) e and estuaries of Meriti and Iguaçu river, the ports of Rio and Niterói and Protect Area of Guapimirim ( Guanabara Bay) and the possible increase of bioavailability of trace metals(Cd, Cu,Fe, Hg, MeHg, Mn, Ni, Pb e Zn).In Sepetiba were collected 12 samples near to Saco do Engenho, and were submitted to 2 time intervals of resuspension (1h and 24h). Higher concentrations of Zn and Cd were found in the area, with result of sequential extraction HCl 1 mol L-1 and after US EPA 3051 method was applied the bioavailability change index (BCI), which showed to be a good tool to monitoring of risk of contaminated sediments by metals associated to dredging activity. In the Gaunabara Bay were five points, one for each areawith 3 replicated e and were submitted to six time intervals of resuspension( 30min, 1h, 3h, 6h,12h e 24h). The Hg and MeHg were analyzes in two areas of Bay (Meriti and Porto do Rio), and although of concentrations were higher in Meriti, the percentage of methylation was four times higher in port of Rio than Meriti, being, the organic matter and grain size the regulators of Hg dynamics. In the estuary of Iguaçu River, was applied the same type of extraction sequence applied in Sepetiba and with only two time intervals of resuspension(1h e 24h), and the results showed variation in estuarine gradient and increase bioavailabilityof mettalic contaminats after resuspension. Were performed terrestrial bioassays with sediments of five areas of Guanabara Bay with earthworms Eiseinia andrei, the bioassays showed which metals regulates the earthworms mortality for 4 areas, and there is the influence of seasonal in mortality, as influence of specialization into Bay. However, in the area the less contaminated area there was the lowest lethal concentration 50% (LC 50), probably was caused another factor, as there was fattening of animal after exposition, can be associated to salinity of region or unknown another factor. In Sepetiba, the results evidenced the resupension affected the bioavailability of different metals, mainly in the first interval (1 hour), reflecting abrupt changes due to exposure to oxidizing conditions. In the Guanabara, there was one oscillation between time intervals, however for MeHg in port of Rio there was methylation from 3 hours time interval.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/5733
Appears in Collections:PPG-GEO - Teses - Niterói

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese Christiane Monte 2017.pdf1.76 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.