Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/5860
Title: Famílias chefiadas por mulheres: uma análise do discurso das mulheres atendidas no Cras-central de Rio das Ostras
Authors: Lopes, Rafaela Cristina dos Santos
metadata.dc.contributor.advisor: Fernandes, Ionara dos Santos
Issue Date: 2017
Abstract: O presente trabalho tem como finalidade fazer uma análise do discurso das mulheres pobres, que de alguma forma, fazem a chefia de suas famílias. Para isso, foi realizado um resgate da mulher na sociedade capitalista a partir da contextualização histórica da mulher e sua relação com o trabalho, em diferentes contextos, juntamente com a ascensão do conceito de gênero que rebate diretamente na vida da mulher como chefe de família na contemporaneidade. Como forma de subsidiar a pesquisa, buscou-se no campo empírico do Centro de Referência de Assistência Social-Central de Rio das Ostras, conhecer a realidade das mulheres pobres, que são atendidas nessa unidade e que em sua maioria, são beneficiárias do programa Bolsa Família como complemento de renda familiar. Atrelado a isso, foi analisado a questão social, a Política de Assistência Social, Programa Bolsa Família, o CRAS e suas relações com as mulheres que são chefes de família. Assim, com base nas entrevistas realizadas por amostragem, construímos gráficos que evidenciam as relações familiares e os impactos que esse papel traz na reinserção da mulher no mercado de trabalho, relativo a maternidade e o acesso à educação infantil pública. Pontuando, sobretudo, o processo de feminização da pobreza e a função social que essa construção tem no âmbito da produção e reprodução da sociedade capitalista
metadata.dc.description.abstractother: The purpose of this paper is to analyze the discourse of poor women, who in some way manage their families. For this, a woman's rescue in capitalist society was carried out based on the historical contextualization of women and their relation to work, in different contexts, together with the rise of the concept of gender that directly rebukes women's lives as head of the family in the contemporaneity. As a way of subsidizing the research, we searched the empirical field of the Reference Center for Social Assistance-Central of Rio das Ostras, to know the reality of the poor women who are cared for in this unit and who, for the most part, are beneficiaries of the Bolsa program Family as a complement to family income. Linked to this, the social issue, the Social Assistance Policy, Bolsa Família Program, the CRAS and its relations with women who are heads of families were analyzed. Thus, based on interviews conducted by sampling, we constructed graphs that show the family relationships and the impacts that this role has on the (re) insertion of women in the labor market, related to maternity and access to public early childhood education. Above all, the process of feminization of poverty and the social function that this construction has in the production and reproduction of capitalist society
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/5860
Appears in Collections:RGS - Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Rafaela Cristina.pdf1.28 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.