Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/5941
Title: Descarga de Água subterrânea e fluxo de elementos em ambientes de manguezal, baía de Sepetiba, RJ
Authors: Barcellos, Renato Gomes Sobral
metadata.dc.contributor.advisor: Silva Filho, Emmanoel Vieira da
metadata.dc.contributor.members: Turcq, Patrícia Florio Moreira
Simões Filho, Francisco Fernando Lamego
Ovalle, Alvaro Ramon Coelho
Wasserman, Júlio Cesar Faria de Alvim
Knoppers, Bastiaan Adriaan
Issue Date: 14-Mar-2018
Abstract: Este trabalho discute os processos hidrogeoquímicos decorrentes da interação dos fluxos de água subterrânea continentais no ambiente de manguezal. Foram instalados 4 po»cos piezométricos no manguezal da Área de Proteção Ambiental da Praia da Brisa (baía de Sepetiba, RJ) respeitando-se a compartimentação geobotânico Foram coletadas amostras de água subterrânea durante dez meses do ano de 2003 nos períodos de mare baixa. Foram determinados cations e aniôs maiores (Na+, K+, Mg2+, Ca2+, Cl¡, SO2¡ 4 , HCO¡3 ), condutividade elétrica, pH, Eh, carbono orgânico dissolvido, sulfeto, SiO2-Si, PO4-P, Al, Ba, Cr, Fe, Mn, Ni, Pb e Zi. Os resultados demonstraram que a água subterrânea apresenta vaiações composicionais relacionadas µas facies geobotânicas possibilitando seu agrupamento em quatro comportamentos gerais quanto µa sua variação espacial: (1) que apresenta enriquecimento ou empobrecimento ao longo do per¯l (P4at¶e P1) geobotânico; (2)um segundo grupo que n~ao apresenta uma relação µas facies geobotânicas, permanecendo seus valores próximos e com amplitudes semelhantes; (3) um terceiro grupo caracterizado por apresentar anomalias facilmente identificaveis em um ou mais piezômetros denotando um comportamento particular a uma ou mais facies e, por ¯m, o ¶ultimo grupo, (4) que apresenta uma grande mudançaa ao longo do per¯l provocado pela grande diferença na forca iônica. Os processos controladores dos comportamentos dos principais elementos em subsuperfície são: a variação da forca iônica; ao longo das facies geobotânicas e o processo de degradação da matéria orgânica com a formação de sulfetos de ferro.
metadata.dc.description.abstractother: This work discusses hidrogeochemical processes that result from the interaction of groundwater with mangrove environments. Four wells were installed at the mangrove of ¶Area de Prote»c~ao Ambiental da Praia da Brisa (Sepetiba Bay, Rio de Janeiro), respecting the geobotanical compartments. Groundwater samples were collected during 10 months of the year of 2003, at low tide periods. Major cations and anions were determined Na+, K+, Mg2+, Ca2+, Cl¡, SO2¡ 4 , HCO¡3 ) as well as electric conductivity, pH, Eh, organic dissolved carbon, sul¯des, SiO2-Si, PO4-P, Al, Ba, Cr, Fe, Mn, Ni, Pb and Zn. Results showed that groundwater presents compositional variations related to geobotanical facies. Thus they could be divided in four compartments regarding their spacial variability: (1) the ¯rst group presents enrichment or impoverishment along the geobotanical pro¯le (P1 to P4); (2) this second group doesn't present relation to geobotanical facies, its values remain close to each other with similar amplitudes; (3) the third group is characterized for presenting anomalies in one or more wells, showing a particular behavior to one or more facies; (4) the fourth and last group presents a grate change along the pro¯le that comes from the di®erence on ionic force. The processes that control the behavior of the major elements at subsurface are: the variation of ionic force, geobotanical facies and the degradation of organic matter which results in formation of iron suldes.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/5941
Appears in Collections:PPG-GEO - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_renato_barcellos.pdf4.21 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.