Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/6489
Title: Influência do tratamento com plasma não térmico em diferentes tempos na adesão entre cerâmica de zircônia estabilizada com ítrio – Y-TZP e um cimento resinoso autoadesivo
Other Titles: Adhesion of resin cement to Y-TZP ceramic treated with nonthermal argon plasma as a function of application time
Authors: Elias, Alexandre Barbosa
metadata.dc.contributor.advisor: Silva, Eduardo Moreira da
Issue Date: 2017
Citation: ELIAS, Alexandre Barbosa. Influência do tratamento com plasma não térmico de argônio em diferentes tempos na adesão entre cerâmica de zircônia estabilizada com ítrio – Y-TZP e um cimento resinoso autoadesivo. 2017. 37 f. Tese (Doutorado) - Curso de Odontologia, Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2017.
Abstract: O objetivo do presente estudo foi avaliar a influência de diferentes tempos de tratamento com plasma não térmico de argônio (PNTA) na energia de superfície e na resistência de união entre um cimento resinoso autoadesivo e uma cerâmica de ZrO2 tetragonal policristalina estabilizada com ítrio (Y-TZP). Blocos sinterizados da cerâmica Y-TZP foram divididos aleatoriamente em dois grupos (n=20) de acordo com os tratamentos de superfície: AS ( sinterizados – sem tratamento) e SB (jateados com partículas de Al2O3 de 50 µm). Em seguida, os blocos submetidos a cada tratamento foram subdivididos em quatro grupos de acordo com o tempo (s) de deposição do PNTA (n=5): 0, 20, 60 e 120 s. A energia de superfície da cerâmica após os tratamentos e deposição do NATP foi avaliada com um goniômetro. Blocos de compósito foram cimentados imediatamente após o tratamento nas superfícies de cerâmica utilizando um cimento resinoso autoadesivo. Após o armazenamento em água destilada a 37°C por 24 horas, os blocos de compósito-cerâmica foram cortados em palitos e submetidos a teste de microtração a uma velocidade de deslocamento de 1,0 mm/min. O tipo de falha foi caracterizada como adesiva, mista ou coesiva. Os dados foram analisados através de análise de variância de dois fatores e teste de Tukey HSD para contraste entre as médias (=0.05). O tratamento com PNTA aumentou a energia de superfície de todos os grupos (p  0.05), sem significância estatística entre eles (p  0.05). Independente do tipo de tratamento superficial, o resultado de resistência de união foi: 0s  20 s  60s = 120s (p  0.05). Somente após 120 s de deposição de PNTA, a resistência de união do grupo SB foi estatisticamente maior do que a do AS (p  0.05). Análise de regressão mostrou uma forte correlação positiva entre a resistência de união e o tempo de deposição de PNTA (r = 0.80; p = 0.0247). A deposição do PNTA aumentou a energia de superfície e os valores resistência de união entre o cimento resinoso autoadesivo e a cerâmica Y-TZP, sendo este efeito maior após maiores tempos de deposição de PNTA.
metadata.dc.description.abstractother: The purpose of the present study was to evaluate the influence of different times of nonthermal argon plasma (NTAP) application on the surface energy and the bond strength of a resin cement to an yttria-stabilized tetragonal polycrystalline ZrO2 ceramic material (Y-TZP). Y-TZP sintered blocks were randomly assigned to two groups (n = 20) according to the surface treatments: AS (as-sintered – no treatment) and SB (sandblasting with 50-µm Al2O3). Afterwards, the blocks submitted to each treatment were subdivided into four groups according to the time (s) of NTAP application (n = 5): 0, 20, 60 and 120 s. The surface energy was evaluated with a goniometer. Blocks of resin composite were cemented on the Y-TZP ceramics surfaces using a self-adhesive resin cement. After storage in distilled water at 37°C for 24 h, the Y-TZP-composite blocks were cut into beams and submitted to microtensile bond strength (µTBS) test at a crosshead speed of 1.0 mm/min. The failure mode was categorized as adhesive, mixed or cohesive. Data were analyzed using two-ANOVA and Tukey´s HSD test ( = 0.05). The application of NTAP increased the surface free energy for all groups (p < 0.05), without significance among them (p > 0.05). For both surface treatments, the TBS was as follow: 0 s < 20 s < 60 s = 120 s (p < 0.05). Only after 120 s of NTAP application, the TBS of SB was higher than that of AS (p < 0.05). Regression analysis showed a strong positive correlation between TBS and time of NTAP application (r = 0.80; p = 0.0247). The application of NTAP improved the surface energy and increased the TBS of self-adhesive resin cement to Y-TZP ceramic, with this effect being higher after higher times of NTAP application.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/6489
Appears in Collections:PPGO - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese ALEXANDRE BARBOSA ELIAS.pdf537.04 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons