Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/6637
Title: Rendimento e caracterização física de biodieseis oriundos de misturas de óleos vegetais
Authors: Correia, Ricardo Cromack de Barros
metadata.dc.contributor.advisor: Silva, Flávio Castro da
metadata.dc.contributor.members: Silva, Ivenio Moreira da
Hamacher, Leonardo da Silva
Issue Date: 2017
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Correia, Ricardo Cromack de Barros. Rendimento e caracterização física de biodieseis oriundos de misturas de óleos vegetais. 2017. 66f. Projeto Final (Bacharelado em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal Fluminense, 2017.
Abstract: O presente trabalho buscou analisar as diferenças entre as características físicas e o rendimento de produção de biodieseis provenientes das misturas de biodieseis com o diesel puro. Foram utilizados os óleos de soja e de algodão como matérias primas para a produção do biodiesel unitário proveniente de cada óleo, além da produção dos biocombustíveis a partir da mistura binária dos óleos antes do processo de transesterificação e da mistura dos biodieseis unitários após o mesmo processo. Cada biocombustível produzido foi misturado com o diesel S10 em proporções de B8, B10, B20 e B30 gerando um total de 16 amostras de biodieseis que foram produzidos através de rota metílica, com o hidróxido de sódio (NaOH), servindo de catalizador da reação, juntamente com o agitador magnético em funcionamento por 45 minutos, durante o processo de transesterificação. Esta produção foi realizada em proporções de 6 mols de álcool metílico para 1 mol de óleo vegetal e 1% V/V para o NaOH. Analisando os dados obtidos foi possível identificar que o biodiesel gerado a partir da mistura dos óleos de soja e algodão antes do processo de transesterificação apresentou o maior rendimento se comparado aos demais, correspondente a 65,49%. Além disso, os valores de massa específica a 20oC e viscosidade cinemática a 40oC de todas as misturas produzidas estavam em conformidade com a Resolução no 30 de 24 de junho de 2016 da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).
metadata.dc.description.abstractother: The current study had the objective to analyze the differences between the physical characteristics and the production yield of biodiesis from biodiesel blends with pure diesel. Soya and cotton oils were used as raw materials for the production of unit biodiesel from each oil, in addition to the production of biofuels from the binary mixture of the oils before the transesterification process and the mixing of the unit biodiesel after the same process . Each biofuel produced was mixed with the S10 diesel in proportions of B8, B10, B20 and B30 generating a total of 16 samples of biodiesel that were elaborated through a methyl route with sodium hydroxide (NaOH), serving as reaction catalyst, together with the magnetic stirrer in operation for 45 minutes, during the transesterification process. This production was carried out in proportions of 6 mols of methyl alcohol to 1 mol of vegetable oil and 1% V / V to NaOH. Analyzing the data obtained, it was possible to identify that the biodiesel generated from the mixture of soybean and cotton oils before the transesterification process presented the highest yield when compared to the others, corresponding to 65.49%. In addition, the specific mass values at 20oC and kinematic viscosity at 40oC of all blends produced were in accordance with Resolution no. 30 of June 24, 2016 of the National Agency of Petroleum, Natural Gas and Biofuels (ANP).
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/6637
Appears in Collections:TGR - Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_ Ricardo Cromack.pdf1.08 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.