Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/6982
Title: A indústria brasileira de refino de petróleo: do início à atualidade
Authors: Barbosa, Vinicius Folly
metadata.dc.contributor.advisor: Ferreira, Geraldo de Souza
metadata.dc.contributor.members: Peixoto, Fernando Cunha
Queiroz Neto, João Crisósthomo de
Issue Date: 2018
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Abstract: O refino de petróleo é um processo importante para a indústria e a matriz energética brasileiras, já que consiste na transformação de óleo cru em diversos produtos de maior valor agregado, como combustíveis e lubrificantes. Consequentemente, em um país como o Brasil, cuja maior parte do transporte de cargas e passageiros é realizado por meio de rodovias, a demanda por combustíveis é alta, principalmente por óleo diesel, para o abastecimento da frota de veículos de médio e grande portes. Logo, para atender a esse consumo, o setor de refino deveria ser capaz de produzir as determinadas misturas de hidrocarbonetos, dentro das especificações, segundo a legislação nacional, significando frações de óleos combustíveis menos poluentes e de maior eficiência de queima. No entanto, esse setor da indústria brasileira apresenta uma longa trajetória percorrida, desde sua criação até os dias atuais, marcada por grandes expansões e aumento de produção, mas também por limitações operacionais, dependência em importações, e pouco incentivo à maximização da agregação de valor ao petróleo nacional. Todos esses fatores contribuem para a situação crítica atual, em que um país produtor de petróleo como o Brasil apresenta elevados preços para produtos como gasolina e óleo diesel, se comparados com a média mundial. O objetivo deste trabalho é realizar uma análise do parque de refino brasileiro, sua relevância na matriz energética, e como sua estruturação afeta o mercado de combustíveis.
metadata.dc.description.abstractother: Petroleum refining is an important process for the Brazilian industry and energy mix, since it consists in the transformation of crude oil in many products of greater market value, for example, fuels and lubricants. Consequently, in a country such as Brazil, where the majority of freight and passenger transportation is set on highways, the demand for fuels is significant, especially for diesel, in order to fill the need of all medium to largesized vehicles. Thus, in order to address to such consumption, the refining sector should be capable of manufacturing proper hydrocarbon blends, following specifications according to the country’s own law, leading to fuel fractions with fewer pollutants and greater efficiency. However, this sector of the Brazilian industry has traveled a long way, since its creation to current days, amidst aggressive expansions and production rise, but also operational limitations, dependence on imports, and underwhelming incentive for maximizing national oil’s value. All of those factors add up to the current situation in Brazil, in which an oil producing country has elevated retail prices for goods such as gasoline and diesel, when compared to the world average. This work aims to analyze the Brazilian refining system, its relevance in the energy mix, and how its structure affects the fuel market.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/6982
Appears in Collections:TGQ - Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC - Vinícius Folly Barbosa.pdf1.28 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons